A dinâmica demográfica em Franca-SP, Século XIX

  • Maisa Faleiros da Cunha Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Crescimento populacional. Dinâmica demográfica. Franca-SP. Século XIX.

Resumo

O artigo busca apontar os possíveis imbricamentos entre o crescimento populacional e a dinâmica demográfica (natalidade, mortalidade, migração e nupcialidade) verificados no município de Franca-São Paulo entre 1805-1888 à luz de processos socioeconômicos mais amplos, à localização geográfica, à disponibilidade de terras e de recursos naturais. As fontes utilizadas são os registros paroquiais (batismo, óbito e casamento), relatos de viajantes, almanaques e informações censitárias. Nossa análise destaca o papel dos fluxos migratórios no efetivo povoamento de Franca e as elevadas taxas de crescimento natural da população no período considerado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maisa Faleiros da Cunha, Universidade Estadual de Campinas
Possui graduação em Ciências Sociais (2002) pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), mestrado em Demografia (2005) pela Unicamp e doutorado em Demografia (2009) pela Unicamp. Pós-doutora pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP). Professora substituta da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquista Filho" (UNESP/ Campus de Franca) entre 2010-2012. Atualmente é pesquisadora do Núcleo de Estudos de População "Elza Berquó" (NEPO) da Universidade Estadual de Campinas. 

Referências

BACELLAR, C. A. P.; BRIOSCHI, L. R. (Org.). Na estrada do Anhanguera: uma visão regional da história paulista. São Paulo: Humanitas FFLCH/USP, 1999.

BACELLAR, C. A. P. Os senhores da terra: família e sistema sucessório entre os senhores de engenho do Oeste Paulista, 1765-1855. Campinas: Centro de Memória/UNICAMP, 1997.

BASSANEZI, M. S. C. B. (Org.). São Paulo do passado: dados demográfi cos. Campinas: NEPO/UNICAMP, 1998.

BRIOSCHI, L. R. Criando história: paulistas e mineiros no Nordeste de São Paulo (1725-1835). São Paulo, 1995. 268f. Tese (Doutorado) – Faculdade de Filosofi a, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo.

BRIOSCHI, L. R. et al. Os entrantes no Sertão do Rio Pardo: o povoamento da freguesia de Batatais: séculos XVIII e XIX. São Paulo: CERU, 1991.

CHIACHIRI FILHO, J. Do Sertão do Rio Pardo à Vila Franca do Imperador. Ribeirão Preto: Ribeira, 1986.

CUNHA, M. F. Estudo das migrações internas no norte paulista, século XIX. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 19., 2014, São Pedro, SP. Anais... Belo Horizonte: ABEP, 2014.

CUNHA, M. F. Demografi a e família escrava. Franca-SP, século XIX. Campinas, 2009. Tese (Doutorado) – Faculdade de Filosofi a e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas.

CUNHA, M. F. Fogos e escravos da Franca do Imperador no século XIX. Campinas, 2005. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Filosofi a e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas.

D’ALINCOURT, L. Memória sobre a viagem do porto de Santos à cidade de Cuyabá. Anais do Museu Paulista, Tomo XIV, p. 253-354, 1950 apud BACELLAR, C. A. P.; BRIOSCHI, L. R. (Org.). Na estrada do Anhanguera: uma visão regional da história paulista. São Paulo: Humanitas FFLCH/USP, 1999.

FURTADO, C. Formação econômica do Brasil. 30.ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2001.

HOLANDA, S. B. Monções. São Paulo: Editora Alfa-Omega, 1976.

LENHARO, A. As tropas da moderação: o abastecimento da Corte na formação política do Brasil, 1808-1842. São Paulo: Símbolo, 1979.

LUNE, A. J. B.; FONSECA, P. D. (Org.). Almanak da Província de São Paulo para 1873. São Paulo: Edição Fac-similar/Imprensa Ofi cial do Estado S. A. – IESP, 1985.

MARCÍLIO, M. L. Crescimento demográfi co e evolução agrária paulista: 1700-1836. São Paulo: Hucitec/EDUSP, 2000.

MÜLLER, D. P. (Org.). Ensaio d'um quadro estatístico da Província de São Paulo. São Paulo: Reedição Li$ eral Secção de Obras d' "O Estado de São Paulo", 1923.

NASCIMENTO, H. A.; MOREIRA, E. (Org.). Almanaque histórico de Franca: obra de compilação histórica do município em seus vários aspectos. Franca: Tipografia “Renascença”, 1943.

OLIVEIRA, M. C. Dinâmica populacional no Sertão do Rio Pardo (1801-1829). Franca, 2012. Dissertação de Mestrado –Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”.

OLIVEIRA, M. C. Dinâmica populacional no Sertão do Rio Pardo (1801- 1829). Franca, 2011. Relatório de Qualifi cação (Mestrado) – Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”.

RELATÓRIO apresentado ao Exm. Sr. Presidente da Província de São Paulo pela Commissão Central de Estatistica. São Paulo: Leroy King Bookwalter/Typographia King, 1888.

SAINT HILAIRE, A. Viagem à Província de São Paulo. Trad. de: Rubens Borba de Morais. São Paulo: Martins Fontes/EDUSP, 1972.

TEIXEIRA, P. E. A formação das famílias livres: Campinas, 1774-1850. São Paulo: Editora Unesp, 2011.

Publicado
2015-10-28
Como Citar
Cunha, M. F. da. (2015). A dinâmica demográfica em Franca-SP, Século XIX. Ideias, 6(1), 115-139. https://doi.org/10.20396/ideias.v6i1.8649480