Revistas femininas e o ideal de felicidade conjugal (1945-1964)

Autores

  • Carla Bassanezi Universidade Estadual de Campinas

Palavras-chave:

Revistas femininas. Felicidade conjugal. Comportamento

Resumo

Abstract

The ideal of “Conjugal Happiness” - social/y and historical/y constructed - implies certain expectations, practices and power relationships, social norms, roles of behavior, images (“the good housewife”, “the good husband”, “harmony in the home”). This essay focuses on changing and unchanging conceptions of “conjugal happiness” during the period 1945-1964, based on the study of two Brazilian women’s magazines Jornal das Moças and Claudia. Besides reproducing and reinforcing the social/y dominant gender relationships and representations, the women’s magazines participate in the construction of these relations and images through a dialogue with their time. The magazines are also places where the hierarchical relations of gender are found. And, at some moments, allow reformulations of the meanings attributed to gender in the society.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Bassanezi, Universidade Estadual de Campinas

Historiadora e editora. Doutora em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) na Área de Família e Gênero (1999); mestre em História Social pela Universidade de São Paulo (USP) (1992); bacharel e licenciada em História pela Unicamp (1989). Autora das obras PÁSSAROS DA LIBERDADE e VIRANDO AS PÁGINAS, REVENDO AS MULHERES. Coautora de HISTÓRIA DAS MULHERES NO BRASIL; HISTÓRIA DA CIDADANIA; HISTÓRIA NA SALA DE AULA; NOVOS TEMAS NAS AULAS DE HISTÓRIA e NOVA HISTÓRIA DAS MULHERES NO BRASIL entre outros livros publicados. Organizadora das obras FACES DO FANATISMO; HISTÓRIA DA CIDADANIA; NOVOS TEMAS NAS AULAS DE HISTÓRIA; FONTES HISTÓRICAS; O HISTORIADOR E SUAS FONTES. Autora de artigos acadêmicos nas áreas de História Social, Historiografia, História das Mulheres e Estudos de Gênero. Foi pesquisadora do Núcleo de estudos de gênero Pagu - Unicamp (1992-1999). É membro do Conselho editorial da Editora Contexto. 

Referências

“Poderes femininos” IN C. Bassanezi, Virando as páginas, revendo as mulheres (1992)

BASSANEZI, Cada. Virando as páginas, revendo as mulheres; relações homem-mulher e revistas femininas (1945- 1964). São Paulo, dissertação de mestrado FFLCH/USP, 1992.

BRUSCHINI, Cristina e COSTA, Albertina (org.). Rebeldia e submissão. São Paulo, Vértice e Fundação Carlos Chagas, 1989.

BRUSCHINI, Cristina e ROSEMBERG, Fúvia (org.). Vivência; história, sexualidade e imagens femininas. 1v. São Paulo, Brasiliense e Fundação Carlos Chagas, 1980.

CÂNDIDO, Antônio. “The brasilian family”. In LYNSMITH and MARCHANT (org.). Brazil; portrait of half a continent. New York, The Dryden press, 1951.

CORRÊA, Mariza. Morte em família; representações jurídicas de papéis sexuais. Rio de Janeiro, Graal, 1983.

DARDIGNA, Anne-Marie. La presse “féminine”; fonction ideologique. Paris, Maspero, 1978.

D’INCAO, Maria Ângela (org.). Amor e família no Brasil. São Paulo, Contexto, 1989.

LONGO, Gioia de C. (org.).Immagine donna; modelli di donna emergeti nei mezzi di comunicazione di massa. Roma, Commissione nazionale per Ia realizzazione della paritá tra uomo e donna, 1986.

MATTELART, Michele. La cultura de la opression femenina. México, Nueva era, 1977.

PRADO, Rosane M.. “Um ideal de mulher; estudos dos romances de M. Delly” In Perspectivas antropológicas da mulher. Rio de Janeiro, Zahar, 1981.

SARLO, Beatriz. El imperio de los sentimientos; narraciones de circulación periódica en la Argentina (1917- 1927). Buenos Aires, Catálogos, 1985.

SCOTT, Joan W.. Gender and the politics of the history. New York, Columbia University press, 1988.

SULLEROT, Evelyne. La presse féminine. Paris, Armand Colin, 1963.

VARIKAS, Eleni. Genre, experience et subjectivité; a prapos du desaccord Tilly-Scott. mimeo do Centro de Estudos de Gênero Pagu, sd.

WEIBEL, Katryn. Mirror, mirror; images of women reflected in popular culture. New York, Anchor books, Anchor press/Doubleday, 1977.

WILLEMS, Emílio. “A estrutura da família brasileira” In Sociologia XVI, v. (4). São Paulo, Escola de Sociologia e Política de São Paulo, out. 1954.

Downloads

Publicado

2005-01-01

Como Citar

Bassanezi, C. (2005). Revistas femininas e o ideal de felicidade conjugal (1945-1964). Cadernos Pagu, (1), 112–148. Recuperado de https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/1682