[1]
L. A. Campos e L. F. Miguel, “O Oito de Março no Congresso: representações da condição feminina no discurso parlamentar”, Cad. Pagu, nº 31, p. 471-508, abr. 2016.