AQUINO, J. E. de . . Quando a língua é paterna: os sentidos das expressões sermo patrius e patria lingua na Antiguidade. Línguas e Instrumentos Línguísticos, Campinas, SP, v. 23, n. 46, p. 224–247, 2020. DOI: 10.20396/lil.v23i46.8659716. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/lil/article/view/8659716. Acesso em: 20 set. 2021.