Casas rurais mineiras e do nordeste paulista

Autores

  • Vladimir Benincasa Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v18i20.8645691

Palavras-chave:

Arquitetura rural do século XVIII e XIX. Minas Gerais. São Paulo.

Resumo

Trata da arquitetura das fazendas de gado abertas entre o final do século XVIII e meados do século XIX, na região compreendida entre os rios Moji-Guaçu e Grande, no nordeste paulista, cujo povoamento se deu ao longo do Caminho de Goiás por pessoas originárias das regiões auríferas e do sul de Minas Gerais. A região conserva muitas fazendas abertas então, cujas atividades originais estavam ligadas à pecuária extensiva de gado bovino, à criação de suínos e muares e à agricultura destinadas, principalmente, a suprir o Quadrilátero do Açúcar (região compreendida entre Campinas, Sorocaba, Itu e Moji-Mirim) e as regiões cafeicultoras do Vale do Paraíba, e as tropas que passavam em direção às minas auríferas de Goiás e Cuiabá. Compara essa arquitetura “paulista” com a da região de origem de seus construtores em Minas Gerais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vladimir Benincasa, Universidade de São Paulo

Arquiteto e urbanista, pós-doutorando na EESC-USP.

Referências

ALINCOURT, L. D’. Memória Sobre a Viagem do Porto de Santos à Cidade de Cuiabá. Belo Horizonte: Itatiaia; S. Paulo: Edusp, 1975.

BACELLAR, C. A. P.; BRIOSCHI, L. R (org.). Na Estrada do Anhanguera. Uma visão regional da história paulista. S. Paulo: Ceru/Humanitas, 1999.

BRIOSCHI, L. R. et alii. Entrantes no Sertão do Rio Pardo. O Povoamento da Freguesia de Batatais – Séculos XVIII e XIX. S. Paulo: Ceru, 1991.

CRUZ, C. F. Fazendas do Sul de Minas Gerais. Arquitetura Rural nos Artigos & Ensaios 36 RESGATE - Vol. XVIII,No . 20 - jul./dez. 2010 - BENINCASA, Vladimir. - p.02-36 séculos XVIII e XIX. Brasília, DF: Iphan/Programa Monumenta, 2010.

FERREZ, G. O Brasil do Primeiro Reinado Visto pelo Botânico John Burchell. Rio de Janeiro: Fund. João Moreira Salles / Pró-Memória, 1981.

FREITAS, D. C. A. de. “Arquitetura rural no nordeste paulista: influências mineiras. 1800 - 1874”. S. Paulo: ESP/USP (dissertação de mestrado), 1986.

MARTINS, H. T. Sedes de Fazendas Mineiras. Belo Horizonte: BDMG Cultural, 1998.

MARTINS, T. Fazenda Boa Esperança – Belo Vale. Belo Horizonte: BDMG Cultural, 2007.

RODRIGUES, J. W. “A casa de moradia no Brasil antigo”. In: Arquitetura Civil I, São Paulo: FAU-USP – MEC-IPHAN, 1975.

SAINT-HILAIRE, A de. Segunda Viagem do Rio de Janeiro a Minas Gerais e São Paulo. Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: Edusp, 1974.

SAINT-HILAIRE, A. de. Viagem Pelas Províncias do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: Edusp, 1975.

VASCONCELLOS, S. de. Arquitetura no Brasil – Sistemas Construtivos. Belo Horizonte: UFMG, 1979.

Downloads

Publicado

2013-05-23

Como Citar

BENINCASA, V. Casas rurais mineiras e do nordeste paulista. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 18, n. 2, p. 2–36, 2013. DOI: 10.20396/resgate.v18i20.8645691. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8645691. Acesso em: 26 maio. 2022.