[1]
N. A. N. Berbel e S. A. Sánchez Gamboa, “A metodologia da problematização com o Arco de Maguerez: uma perspectiva teórica e epistemológica”, Filos. e Educ., vol. 3, nº 2, p. 264-287, nov. 2011.