As parcerias informais e o desenvolvimento profissional docente no ensino superior

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/riesup.v6i0.8654609

Palavras-chave:

Desenvolvimento profissional docente, Educação superior, Parceria informal.

Resumo

O presente estudo teve como objetivo analisar como as parcerias informais, no contexto da universidade, colaboram no desenvolvimento profissional dos docentes. Na busca desse entendimento, partimos das seguintes questões: Que contribuições as parcerias informais, na mobilização dos saberes, colaboram no desenvolvimento profissional? Estão essas parcerias presentes na cultura universitária? Apoiadas em estudos que tratam da formação docente para a realização da investigação, optamos por um estudo qualitativo por meio da aplicação de entrevistas semiestruturadas com nove professores do curso de Pedagogia de quatro universidades. Constatamos que as parcerias informais e por afinidade têm influenciado, de maneira preponderante, o desenvolvimento pessoal e profissional, trazendo trocas materiais e imateriais, novas maneiras de se trabalhar, novos olhares a partir da percepção do parceiro docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glaucia Muñoz dos Reis, Universidade Presbiteriana Mackenzie

Mestre em Educação Arte e História da Cultura. Professora do Colégio Mackenzie.

           

Maria de Fátima Ramos de Andrade, Universidade Presbiteriana Mackenzie

Doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontífica Universidade Católica de São Paulo. Professora do Programa de Pós-Graduação Strico Sensu Interdisciplinar Educação Arte e História da Cultura.

         

Referências

CHIZZOTTI, Antônio. Pesquisa em ciências humanas e sociais. São Paulo: Cortez, 2006. 166 p. ISBN: 9788524904448.

FLORES, Maria Assunção. Algumas reflexões em torno da formação inicial de professores. Revista Educação. Porto Alegre, v. 33, n. 3, pp. 182-188, set-dez 2010.

FORTE, Ana Maria; FLORES, Maria Assunção. Aprendizagem e(m) colaboração: um projecto de intervenção numa eb2,3. In: CONGRESSO INTERNACIONAL GALEGO-PORTUGUÊS DE PSICOPEDAGOGIA, 10., Braga. [Anais do...]. Braga: Universidade do Minho, 2009. p. 766-784. Disponível em: http://www.educacion.udc.es/grupos/gipdae/documentos/congreso/xcongreso/pdfs/t3/t3c52.pdf. Acesso em: 06 mar. 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996. 54 p. ISBN 8521902433.

FULLAN, Michael; HARGREAVES, Andy. A Escola como organização aprendente. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000. 136 p. ISBN: 9788573076349.

GHEDIN, Evandro; FRANCO, Maria Amélia Santoro. Questões de método na construção da pesquisa em educação. São Paulo: Cortez, 2008. 264 p. ISBN: 8524913959.

IMBERNÓN, Francisco. Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. São Paulo: Cortez, 2000. 119 p. ISBN: 8524907649.

LARROSA, Jorge. Tremores: escritos sobre a experiência. Belo Horizonte: Autêntica, 2015.

LITTLE, Judith Warren. The persistence of privaty: Autonomy and initiative in teachers’ professional lives. Teachers College, da Universidade de Columbia, v. 91, n. 4, 1990. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/247944039. Acesso em julho 2016.

LOPONTE, Luciana Gruppelli. Amizades: o doce sabor dos outros na docência. Cadernos de Pesquisa v. 39, n.. 138, p.919-938, set./dez. 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.phppid=S010015742009000300012&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 06 mar. 2019.

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti. A formação centrada na escola como estratégia institucional. In: GATTI, Bernardete. Por uma política de formação de professores. Editora Unesp, 2013. 232 p. ISBN: 9788539304080.

NÓVOA, António. Professores: imagens do futuro presente. Lisboa: Educa, 2009. 96 p. ISBN: 9789898272027.

PÉREZ-GÓMEZ, A.I. A cultura escolar na sociedade neoliberal. Porto Alegre: Artmed, 2001. 320 p. ISBN: 108573076690.

PIMENTA, Selma Garrido; ANASTASIOU, Léa das Graças Camargo. Docência no ensino superior. São Paulo: Cortez, 2002. 279 p. ISBN: 8524908572.

THURLER, Monica Gather. Da avaliação dos professores à avaliação dos estabelecimentos escolares. In: PERRENOUD, Philippe; THURLER, Monica Gater. As competências para ensinar no século XXI: a formação dos professores e o desafio da avaliação. Porto Alegre: ARTMED, pp. 61-87, 2002. ISBN: 8536300213.

VAILLANT, Denise, MARCELO, Carlos. Ensinando a ensinar: as quatro etapas de uma aprendizagem. Curitiba: UTFPR, 2001.

Publicado

2019-05-31

Como Citar

REIS, G. M. dos; ANDRADE, M. de F. R. de. As parcerias informais e o desenvolvimento profissional docente no ensino superior. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, SP, v. 6, p. e020003, 2019. DOI: 10.20396/riesup.v6i0.8654609. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8654609. Acesso em: 26 nov. 2020.

Edição

Seção

Artigos