Experiência, espaço urbano, pobreza: construindo algumas questões

  • Thaís Troncon Rosa Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Experiência. Espaço urbano. Pobreza.

Resumo

O questionamento sobre as possibilidades de configuração de uma efetiva experiência urbana para indivíduos em situação de pobreza é o mote deste trabalho, fruto de uma pesquisa de doutorado em andamento. Nesse sentido, procura acercar-se da polissêmica noção de “experiência” a partir de duas perspectivas distintas: a de Walter Benjamin, configurada em pleno auge da modernidade, e a de Michel Foucault, cujas últimas elaborações se fizeram em meio às discussões sobre a chamada “pós-modernidade”. Tendo em vista as tentativas, contemporâneas, de reconstrução e ressemantização da experiência, o trabalho procura algumas linhas de fuga que auxiliem na reflexão sobre as possíveis relações entre experiência, espaço urbano e pobreza.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thaís Troncon Rosa, Universidade de São Paulo
Professora Adjunta da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo (EESC-USP/1999), mestrado em História (área de Política, Memória e Cidade) pela Universidade Estadual de Campinas (IFCH-UNICAMP/2008), doutorado em Arquitetura e Urbanismo (Área de Teoria e História) pela Universidade de São Paulo (IAU-USP/2014), com estágio-sanduíche pela Universidad de Sevilla (ETSAS/2013) e pós-doutorado pela Universidade de São Paulo (IAU-USP/2015). Foi sócia-fundadora da organização Teia - casa de criação, que desenvolve, executa e assessora projetos e pesquisas nas áreas de desenvolvimento urbano e ambiental, arquitetura, tecnologia e construção, cultura e comunicação. Entre 2010 e 2014 atuou como docente no Centro Universitário de Araraquara - Uniara; na UNESP - Bauru (professor bolsista), na Escola Superior de Tecnologia e Educação de Rio Claro - ASSER e no Centro Universitário Central Paulista - Unicep. 

Referências

ABRÊU, Eide Sandra Azevêdo. Walter Benjamin e o tempo da Grande Indústria. In: Diálogos – revista do Departamento de História e do Programa de Pós Graduação em História da Universidade Estadual de Maringá, vol. 2, n.1, p. 65-79, 1998. Disponível em http://www.dhi.uem.br/publicacoesdhi/dialogos/volume01/vol02_atg2.htm#_edn2. Acesso em jul. 2010.

ALBUQUERQUE Jr., Durval Muniz de. Experiência: uma fissura no silêncio. In: Territórios e fronteiras, v.3, n. 1, p. 61-75, 2002.

BATAILLE, Georges. A Experiência Interior. Tradução de Celso Libânio Coutinho et. al. São Paulo: Editora Ática, 1992.

BENJAMIN, Walter. Experiência e pobreza. In: Magia e Técnica, Arte e Política. Ensaios sobre Literatura e História da Cultura. Obras Escolhidas. 5.ed. Trad. Sérgio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1993a.

BENJAMIN, Walter. O Narrador. Considerações sobre a obra de Nikolai Leskov. In: Magia e Técnica, Arte e Política. Ensaios sobre Literatura e História da Cultura. Obras Escolhidas. 5.ed. Trad. Sérgio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1993b.

BENJAMIN, Walter. Passagens (1927-1940). São Paulo: Imprensa Oficial do Estado, 2007.

BENJAMIN, Walter. Sociologia. 2. ed. São Paulo: Ática, 1991.

BENJAMIN, Walter; HORKHEIMER, Max; ADORNO, Theodor W.; HABERMAS, Jürgen. Textos escolhidos. 2. ed. São Paulo: Abril Cultural, 1983.

BONDÍA, Jorge Larrosa. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. In: Revista Brasileira de Educação, n. 19. Disponível em http://www.anped.org.br/rbe/rbedigital/RBDE19/RBDE19_04_JORGE_LARROSA_BONDIA.pdf. Acesso em out. 2010.

CAMARGO, Sílvio C.. Experiência e Utopia em Theodor W. Adorno, André Gorz e Francois Dubet. In: Em Tese – revista eletrônica dos pós-graduandos em Sociologia Política da UFSC. V. 4, n. 1 (1), ago.-dez., 2007. Disponível em: http://www.emtese.ufsc.br/vol4_res_art2.pdf. Acesso em jun. 2010.

CAVALCANTI, Mariana. Do Barraco à Casa: tempo, espaço e valor(es) em uma favela carioca. In: Anais do 31o Encontro Anual da ANPOCS. Caxambu, 2007.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: artes de fazer. Petrópolis: Vozes, 1994.

FOUCALT, Michel. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1997.

FOUCALT, Michel. De outros espaços. Architecture, Movemente, Continuité, n.5, 1984b. Disponível em http://www.ufrgs.br/corpoarteclinica/obra/outros.prn.pdf. Acesso em out. 2010.

FOUCALT, Michel. Ditos e escritos I. Problematização do sujeito: psicologia, psiquiatria e psicanálise. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1999.

FOUCALT, Michel. História da sexualidade II: o uso dos prazeres. Rio de Janeiro: Graal, 1984c.

FOUCALT, Michel. O retorno da moral. In: Escobar, C. H. de (Org). Dossier Michel Foucault: últimas entrevistas. Rio de Janeiro: Taurus, 1984d.

FOUCALT, Michel. Une esthétique de l’existence. Le monde, 15-16 juillet, p. XI, 1984a. Tradução de Wanderson Flor do Nascimento. Disponível em http://filoesco.unb.br/foucault/estetica.pdf. Acesso em out. 2010.

GAGNEBIN, Jeane Marie. Memória, História, Testemunho. Disponível em http://www.comciencia.br/reportagens/memoria/09.shtml Acesso em out. 2010.

FOUCALT, Michel. Walter Benjamin ou a história aberta. In: Magia e Técnica, Arte e Política. Ensaios sobre Literatura e História da Cultura. Obras Escolhidas. 5. ed. Trad. Sérgio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1993.

JACQUES, Paola Berestein. Corpografias Urbanas. In: Anais do IV ENECULT - Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura. Salvador: UFBA, 2008. Disponível em http://www.cult.ufba.br/enecult2008/14401-03.pdf Acesso em nov. 2010.

JAY, Martin. Cantos de experiencia. Variaciones norteamericanas y europeas modernas sobre un tema universal. Argentina: Paidos, 2009.

LEITE, Rogerio Proença. Contra-usos e espaço público: notas sobre a construção social dos lugares na Manguetown. In: Revista Brasileira de Ciências Sociais, vol. 17, n.o 49, junho 2002, p. 115-134.

LOPES, Ruy Sardinha. A experiência: entre a resistência e as estratégias mercadológicas. In: Anais do II Seminário Arte & Cidade. Salvador: UFBA, 2008.

LOPES, Ruy Sardinha. O declínio e as reconstruções da experiência na modernidade e na contemporaneidade. In: Arte e Arquitetura: balanços e novas direções. VII Fórum Brasília de Artes. Brasília: Fundação Athos Bulcão, 2009.

MEINERZ, Andréia. Concepção de experiência em Walter Benjamin. (Dissertação) Mestrado em Filosofia. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.

NICOLAZZI, Fernando. A narrativa da experiência em Foucault e Thompson. In: Anos 90, Porto Alegre, v. 11, n. 19/20, p.101-138, jan./dez, 2004. Disponível em http://seer.ufrgs.br/index.php/anos90/article/viewFile/6353/3804 Acesso em out. 2010.

OELZE, Berthold; SOUZA, Jessé (Orgs). Simmel e a modernidade. Brasília: Editora UNB, 2005.

RIZEK, Cibele Saliba. Pequenas provocações. In: Caderno de provocações. Corpocidade: debates em estética urbana. Salvador / Rio de Janeiro: UFBA / UFRJ, 2010.

ROSA, Thaís Troncon. Fronteiras em disputa na produção do espaço urbano: a trajetória do 'Gonzaga' de favela a bairro de periferia. (Dissertação) Mestrado em História. Instituto de Filosofia e Ciência Humanas - UNICAMP, Campinas, 2008.

SIMMEL, Georg. As grandes cidades e a vida do espírito. In: MANA 11(2), p. 577-591, 2005.

SIMMEL, Georg. Questões fundamentais da sociologia. Rio de Janeiro: J. Zahar, 2006.

SCOTT, Joan. Experiência. In: SILVA, Alcione da; et al. Falas de Gênero. Florianópolis: Ed. Mulheres, 1999.

TELLES, Vera da Silva; CABANES, Robert (Orgs). Nas tramas da cidade: trajetórias urbanas e seus territórios. São Paulo: Humanitas, 2006.

TELLES, Vera da Silva. Trajetórias urbanas: fios de uma descrição da cidade. In: TELLES, Vera da Silva; CABANES, Robert (Orgs). Nas tramas da cidade: trajetórias urbanas e seus territórios. São Paulo: Humanitas, 2006.

WAIZBORT, Leopoldo. A cidade, grande e moderna. In: As aventuras de Georg Simmel. São Paulo: Curso de Pós-Graduação em Sociologia – USP/Editora 34, 2000.

Publicado
2013-04-01
Como Citar
Rosa, T. T. (2013). Experiência, espaço urbano, pobreza: construindo algumas questões. URBANA: Revista Eletrônica Do Centro Interdisciplinar De Estudos Sobre a Cidade, 4(2), 86-108. https://doi.org/10.20396/urbana.v4i2.8635101