Voltar aos Detalhes do Artigo Será mesmo que o magistério atual é formado pela “seleção dos péssimos”? Baixar Baixar PDF