Banner Portal
A eleição de 2002
PDF

Palavras-chave

Eleições. Pesquisas de opinião. Propaganda eleitoral. Televisão

Como Citar

FIGUEIREDO, Rubens; COUTINHO, Ciro. A eleição de 2002. Opinião Pública, Campinas, SP, v. 9, n. 2, p. 93–117, 2015. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/op/article/view/8641135. Acesso em: 28 maio. 2024.

Resumo

O artigo analisa a campanha presidencial de 2002 a partir dos resultados das pesquisas de intenção de voto divulgadas na mídia, da propaganda eleitoral gratuita na televisão e do contexto político que resultou na vitória do candidato do Partido dos Trabalhadores, Luís Inácio Lula da Silva.

 

Abstract

The article analyses the 2002 presidential campaign considering the results of electoral polls published in mass media, the electoral advertising, defined by law on television, and the political context that have resulted in the victory of Labor’s Party candidate, Luís Inácio Lula da Silva.

Key words: elections, public opinion polls, electoral advertising, television.

PDF

Referências

ALSINA, Miquel Rodrigo. La construcción de la noticia. Paidós Comunicación, Barcelona/Buenos Aires/México, 34, 1989.

BORDIEU, Pierre. Sobre a televisão. São Paulo: Jorge Zahar Editor, 1997, p. 19-24.

BUCCI, Eugênio. A metapublicidade e Roseana Sarney. Folha de S. Paulo, TV Folha, São Paulo, p.2, 18 nov. 2001.

CARRO, Rodrigo e FELÍCIO, César. Qualitativas norteiam horário eleitoral. Jornal Valor Econômico, São Paulo, p. A-8 ,22 ago.2002.

CAVALLARI NUNES, Marcia; OLSEN, Örján; STRAUBHAAR, Joseph. O uso de pesquisas eleitorais em decisões de voto. Opinião Pública, Campinas, vol. I, nº2, p. 47-96, dez. 1993. FREITAS, Jânio de. A nova trapaça. Folha de S. Paulo, São Paulo, p.A-5, 21 jul. 2002.

LAMOUNIER, Bolivar e FIGUEIREDO, Rubens (orgs.). A era FHC – um balanço. São Paulo: Cultura Editores Associados, 2002.

LOURENÇO, Luiz Cláudio. HGPE e Intenção de voto: observações sobre as eleições de 1998 ao governo de São Paulo e à Presidência da República. In: XI Congresso dos Sociólogos do Estado de São Paulo, 04 out. 2001, São Paulo. Paper, PUC-SP.

MATTOS, Laura. A festa é nossa. Folha de S. Paulo, São Paulo, p.E-1, 30 out.2002.

MENDONÇA, Duda. Casos & coisas. São Paulo: Globo, 2001.

MUNGHAM, Geoff. A batalha pelo controle da agenda: a mídia, os políticos e o processo eleitoral na Grã-Bretanha. Comunicação e Política, vol. III, nº2, CEBELA, mai-ago. 1996.

RUBIM, Antonio Albino Canelas. Mídia, política e democracia. Textos de Cultura e Comunicação. Salvador, Fase II, números 31-32, 1994.

SARTORI, Giovanni. Videopoder. In Elementos de Teoria Política. Madrid: Alianza Editorial, p. 305-316, 1995.

SILVEIRA, Flávio Eduardo. A decisão do voto no Brasil. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1998.

STEINBERGER, Margarethe Born. Desmidiatizar o pensamento. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, 12(4),1998.

THOMPSON, J.B. A mídia e a modernidade: uma teoria social da mídia. Petrópolis: Editora Vozes, 1998.

A Opinião Pública utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.