Banner Portal
Relações de violência e erotismo
Remoto

Palavras-chave

Violência. Gênero. Erotismo. Pornografia. SexShops. Teorias Feministas

Como Citar

GREGORI, M. F. Relações de violência e erotismo. Cadernos Pagu, Campinas, SP, n. 20, p. 87–120, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8644596. Acesso em: 29 fev. 2024.

Resumo

Existe uma relação – a ser decifrada com cuidado e nuance – entre a violência de gênero e um conjunto de concepções e práticas relativas à sexualidade. Em particular, tal relação deve dizer respeito a algum aspecto que interconecta a prática sexual no interior de um campo simbólico particular – a uma “erótica” – no qual feminino e masculino, corpo jovem ou velho, asiático, branco, pardo, negro e o suporte de tais definições não estão colados necessária e exclusivamente a mulheres e homens, como sujeitos empíricos, supondo uma relação de força, de subjugo e de dor. O propósito deste artigo é analisar as conexões que foram sendo feitas entre essa configuração da violência e as teorias e práticas feministas relativas ao erotismo.

Abstract

There is a connection between gender violence and a set of conceptionsand practices related to sexuality that ought to be decoded carefully. Such relation, specifically, concerns an aspect that interconnectssexual practices within a particular symbolic field - an “erotica”, wherecategories such as “feminine” and “masculine”, “young” or “old”, “skin” color such as “yellow”, “white”, “mulatto” and “black” and the supportto such definitions does not stick necessarily and exclusively to womenand men as empirical subjects, and presupposes power and force relationsin terms of subjugation and pain. This articles aims at analyzing theconnection that can be made between this configuration of violence andfeminist theories and practices related to eroticism.

Key Words: Violence, Gender, Eroticism, Pornography, Sex-Shops, Feminist

Remoto

Downloads

Não há dados estatísticos.