Apresentação

Autores

  • Mariza Corrêa Universidade Estadual de Campinas

Resumo

Lançado em janeiro de 1993 – mesmo ano da criação do Pagu/Núcleo de Estudos de Gênero – os cadernos pagu estão completando quinze anos neste ano de 2008. Resultado de um trabalho feito a muitas mãos, os dois primeiros números foram impressos na Gráfica do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, onde o Núcleo se constituiu inicialmente como um centro de estudos; a revista foi depois impressa na Gráfica da Universidade, até o seu número cinco, quando, já com o patrocínio de diversas agências financiadoras, passamos a imprimi-la numa gráfica externa à Universidade, situação que se mantém até hoje. Foi também a partir do número seis que os cadernos passaram a contar com uma Editora Executiva, Iara Beleli, que continua firme no posto até hoje e que, desde o número 28, ganhou o reforço de Luciana Camargo Bueno na editoria. Os cadernos também continuam no firme propósito enunciado por Adriana Piscitelli no primeiro número: “colaborar com o esforço de outros periódicos, participando da difusão de reflexões que contribuam para o desenvolvimento do debate em torno do tema gênero”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariza Corrêa, Universidade Estadual de Campinas

foi professora do Departamento de Antropologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp durante trinta anos e atualmente é pesquisadora do Pagu/Núcleo de Estudos de Gênero da mesma universidade, no qual coordena um Projeto Temático da Fapesp sobre gênero e corporalidade. Integra o corpo docente da Área de Gênero no Programa de Doutorado em Ciências Sociais da Unicamp. Bolsista do CNPq. Ex-presidente da Associação Brasileira de Antropologia.

Downloads

Publicado

2016-04-07

Como Citar

CORRÊA, M. Apresentação. Cadernos Pagu, Campinas, SP, n. 30, p. 7-8, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8644842. Acesso em: 30 out. 2020.

Edição

Seção

Apresentação