Minissaias, militâncias, revoluções e gênero na última ditadura argentina

Autores

  • Ana Maria Veiga Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

O livro De minifaldas, militancias y revoluciones: exploraciones sobre los 70 en la Argentina amplia o debate sobre a última ditadura militar naquele país (1976-1983) ao inserir nele questões de gênero e a participação política das mulheres nos grupos de resistência.. Organizado por Andrea Andújar, Karin Grammático, Débora D’Antonio, Fernanda Gil Lozano e María Laura Rosa, o livro dá sequência à compilação eletrônica Historia, Género y Política en los ’70 (Andújar, 2005), editada online pelo mesmo grupo no ano de 2005, como resultado das jornadas ocorridas na Universidade de Buenos Aires1 , que lembraram os trinta anos do começo da ditadura argentina, abordando especificamente as relações de gênero.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Maria Veiga, Universidade Federal de Santa Catarina

Ana Maria Veiga é paulistana. Doutora em História, atualmente faz pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas da Universidade Federal de Santa Catarina. Realizou estágio doutoral em História Contemporânea na École des Hautes Études en Sciences Sociales, em Paris. Tem como áreas de interesse os estudos de Gênero, História da América Latina, História visual, imagem e cinema, e a intersecção gênero-raça/etnia-classe na história dos feminismos. No momento orienta Trabalhos de Conclusão de Curso e de Doutorado.

Referências

ANDÚJAR, Andrea et alii. Historia, género y política en los ‘70. Buenos Aires, Feminaria, 2005. Disponível em www.feminaria.ar.

PEDRO, Joana Maria; WOLFF, Cristina Scheibe; VEIGA, Ana Maria. (orgs.) Resistências, Gênero e Feminismos contra as ditaduras no Cone Sul.

Florianópolis, Ed. Mulheres, 2011.

PEDRO, Joana Maria; WOLFF, Cristina Scheibe, (orgs.) Gênero, Feminismos e Ditaduras no Cone Sul. Florianópolis, Ed. Mulheres, 2010.

Downloads

Publicado

2016-04-14

Como Citar

VEIGA, A. M. Minissaias, militâncias, revoluções e gênero na última ditadura argentina. Cadernos Pagu, Campinas, SP, n. 36, p. 389–394, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8645001. Acesso em: 27 jan. 2022.

Edição

Seção

Resenhas