A bruxa está solta: os protestos contra a visita de Judith Butler ao Brasil à luz de sua reflexão sobre ética, política e vulnerabilidade

Autores

  • Ingrid Cyfer Universidade Federal de São Paulo

Palavras-chave:

Judith Butler. Reconhecimento. Violência. Ética. Vulnerabilidade.

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar os protestos contra a visita de Judith Butler ao Brasil, em 2017, à luz de sua própria reflexão sobre ódio, medo, violência, reconhecimento e liberdade, com especial atenção à sua obra publicada a partir da década de 2000. Minha hipótese é a de que, em sua obra recente sobre ética, o modo como Butler entrelaça reconhecimento e ação política contribui para explorarmos a relação entre a recusa da diferença na esfera pública brasileira e a invisibilidade da vulnerabilidade política de grupos e pessoas retratados como ameaças.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ingrid Cyfer, Universidade Federal de São Paulo

Professora de Teoria Política no Departamento de Ciências Sociais, Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), São Paulo, SP, Brasil.

Referências

BUTLER, Judith. Precarious Life. London, New York, Verso, 2006 [2004].

BUTLER, Judith. Relato de Si: Critica da Violência Ética. Editora Autêntica, 2015 [2005]. Tradução: Rogério Bettoni.

BUTLER, Judith. Bodies in Alliance and Politics of the Street. European Institute for Progressive Cultural Policies web journal, 9 set. 2011 [http://eipcp.net/transversal/1011/butler/enBodies – acesso em: 31 jan. 2018]

BUTLER, Judith. Notes Toward a Theory of Assembly. Cambridge, Massachussets; London England, Harvard University Press, 2015.

FERRASE, E. The vulnerable and the Political: On the Seeming Impossibility of thinking vulnerability and the political together and its consequence. Critical Horizons, vol. 17, no 2, 2016.

JUDITH Butler, Philosophe en tout genre. Direção: Paule Zajdermann. Art France, 2006 [https://www.youtube.com/watch?v=Q50nQUGiI3s&index=1&list=P L4EC66D573ED68FA1 – acesso em: 31 jan. 2018].

JUDITH Butler on Demonstrating Precarity. L. A. Review of Books, 2015 [www.youtube.com/watch?v=3OmCnyXbgwI – acesso em: 31 jan. 2018].

RODRIGUES, Maria Fernanda. “Ódio e censura são baseados no medo”, diz Judith Butler. Entrevistada: Judith Butler. Jornal Estadão, Cultura, 06 nov. 2017 [http://cultura.estadao.com.br/noticias/geral,odio-ecensura-sao-baseados-no-medo-diz-judith-butler,70002072944 – acesso em: 31 jan. 2018].

Downloads

Publicado

2018-09-13

Como Citar

CYFER, I. A bruxa está solta: os protestos contra a visita de Judith Butler ao Brasil à luz de sua reflexão sobre ética, política e vulnerabilidade. Cadernos Pagu, Campinas, SP, n. 53, 2018. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8653410. Acesso em: 26 nov. 2020.

Edição

Seção

Debate