Banner Portal
O programa Bolsa Família Evolução e efeitos sobre a pobreza
PDF

Palavras-chave

Política social. Rendimento. Bolsa Família. Transferência de renda. Pobreza

Como Citar

ROCHA, Sonia. O programa Bolsa Família Evolução e efeitos sobre a pobreza. Economia e Sociedade, Campinas, SP, v. 20, n. 1, p. 113–139, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/ecos/article/view/8642363. Acesso em: 23 jul. 2024.

Resumo

Depois de um breve retrospecto da evolução das transferências de renda focalizadas nos pobres no Brasil, este artigo analisa a evolução recente do programa Bolsa Família no que diz respeito à focalização e cobertura da sua população alvo, utilizando informações do suplemento das PNADs 2004 e 2006. Apesar de o programa ter atingido sua meta de atendimento de 11 milhões de domicílios ao final de 2006, há evidências de que cerca de 3,4 milhões de domicílios elegíveis ainda se encontram a descoberto. Simulações evidenciam que garantir a cobertura de todos os domicílios elegíveis tem maior impacto sobre os indicadores de pobreza que conceder o novo benefício, criado em 2008, aos jovens nos domicílios já atendidos pelo programa.

Abstract

After a brief retrospective of the evolution of income transfer programs in Brazil, this article uses information from the 2004 and 2006 official national household survey (PNAD) in order to analyze the recent evolution of the Bolsa Familia program regarding targeting and coverage. Despite the fact that the BF met its goal of assisting 11 million households by the end of 2006, still around 3.4 million eligible households do not receive the transfer benefit. Simulations show that guaranteeing the basic income transfer to all eligible households has a stronger impact on poverty indicators than to grant the new benefit - created in 2008 - to youngsters who live in the already assisted households.

Keywords: Social policy. Income. Income transfer. Poverty.

PDF

Referências

BARROS, R. P.; CARVALHO, M.; FRANCO, S.; MENDONÇA, R. Macrodeterminantes da queda na desigualdade no Brasil. Rio de Janeiro: Ipea, 2006.

CEDEPLAR, Projeto de Avaliação de Impacto do Bolsa-Familia. Belo Horizonte, 2006.

FOSTER, J.; GREER, J.; THORBECKE, E. A class of decomposable poverty measures. Econometrica, v. 52, p. 761-767, 1984.

IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – 2004 e 2006 (microdados).

LAVINAS, L.; ROCHA, S.; VARSANO, R. Programas de Garantia de Renda Mínima – Uma orientação para os municípios. Rio de Janeiro: Friedrich Ebert Stiftung (ILDES)/ Fundação Ford, 1998. 88p.

HOFFMANN, Rodolfo. O limite entre os relativamente pobres e os relativamente ricos em 2004. Campinas: Unicamp, 2005.

MDS. Análise comparativa de Programas de Proteção Social, 1995-2003. Brasília, 2004.

ROCHA, Sonia. Minimum income programs – How do they apply to Brazilian metropolitan nuclei? [s.n.t.], 1999. Mimeografado.

ROCHA, Sonia. Pobreza no Brasil – O que há de novo no limiar do século XXI. Economia, v. 2, n. 1, jul. 2001.

ROCHA, Sonia. O mercado de trabalho e a inserção produtiva dos jovens. In: SEMINÁRIO DE ANÁLISE DOS RESULTADOS DA PESQUISA NACIONAL POR AMOSTRA DE DOMICÍLIOS, 2, CGEE / MDS, Brasília, mar. 2007.

ROCHA, Sonia. Transferências de renda federais: focalização e impactos sobre pobreza e desigualdade. Revista de Economia Contemporânea, v. 9, n. 1, p. 67-95, jan./abr. 2008a.

ROCHA, Sonia. Transferência de renda focalizadas nos pobres – O BPC versus o Bolsa Família. Sinais Sociais, v. 3, n. 8, p. 150-186, set./dez. 2008b.

ROCHA, Sonia; GARCIA, E.. O Programa de Bolsa Escola Federal – Uma avaliação do desenho e da operacionalização no período 1998-2000. Geneva: OIT, jul. 2001. SCWARTZMAN, Simon. Education-oriented social programs in Brazil: the impact of Bolsa Escola. Global Conference on Education Research. Developing Countries, 2005.

SOARES, F. V.; SOARES, S.; MEDEIROS; M., OSÓRIO; R. Programas de Transferências de Renda no Brasil: impactos sobre a desigualdade e a pobreza. Brasília: IPEA, 2006.

SOARES, Sergei. Distribuição de renda no Brasil de 1976 a 2004 com ênfase no período entre 2001 e 2004. Brasília: Ipea, 2006. 27p. (Texto para Discussão, n. 1166).

A Economia e Sociedade utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.