Banner Portal
O papel desempenhado pelo BNDES e diferentes iniciativas de expansão do financiamento de longo prazo no Brasil dos anos 90
PDF

Palavras-chave

BNDES
Financiamento de Longo prazo. Project finance. Financiamento de inovações tecnológicas. Financiamento de pequenas e médias empresas

Como Citar

PRATES, Daniela Magalhães; CINTRA, Marcos Antonio Macedo; FREITAS, Maria Cristina Penido. O papel desempenhado pelo BNDES e diferentes iniciativas de expansão do financiamento de longo prazo no Brasil dos anos 90. Economia e Sociedade, Campinas, SP, v. 9, n. 2, p. 85–116, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/ecos/article/view/8643113. Acesso em: 30 maio. 2024.

Resumo

O artigo procura identificar as principais transformações no papel exercido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) como instituição financeira de fomento, bem como nas suas principais linhas de financiamento. Busca ainda apresentar algumas iniciativas de articulação pública e privada de financiamento de longo prazo na economia brasileira durante os anos 90. A partir da carência de mecanismos de diversificação e alongamento dos prazos das operações de crédito, defende-se a importância da definição de políticas financeiras ativas por parte do setor público.

Abstract

The author describes major changes to the role played by BNDES – National Bank for Economic and Social Development – as a fostering financial institution as well as its chief financing lines. This article also describes a few joint initiatives from the public and private sectors for long-term financing in the Brazilian economy during the 90’s. The relevance of implementing active financial policies by the public sector is advocated based on the absence of diversification mechanisms and long-term credit operations.

Key words: BNDES. Long term financing. Project finance. Technological innovations. Small and medium enterprises

PDF

Referências

BARROS, J. R. Mendonça de, GOLDENSTEIN, Lídia. Avaliação do processo de reestruturação industrial brasileiro. Revista de Economia Política, v. 17, n. 2 (66), abr./jun. 1997.

BEDÊ, Marco Aurélio, HUAI, Hao Min, SAES, Sylvia, TONETO JR., Rudinei. Características da demanda por empréstimos das MPE paulistas. São Paulo: Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, 1998. (Relatório de Pesquisa).

BIELSCHOWSKY, Ricardo. Investimentos na indústria brasileira depois da abertura e do Real: o mini-ciclo de modernizações, 1995-97. Rio de Janeiro: Cepal/CNI, 1998. <http://www.cepal.org>.

BNDES. A expansão do setor elétrico 1998/2007. Informe de Infra-estrutura, Rio de Janeiro, n. 25, ago. 1998.

________. Informe BNDES. Rio de Janeiro, jul. 2000.

CURRALERO, Cláudia Regina Baddini. A atuação do Sistema BNDES como instituição financeira de fomento no período 1952/1996. Campinas: Unicamp. IE, 1998. (Dissertação, Mestrado).

DURÃO, Vera Saavedra. Novo banco japonês deve ampliar crédito ao Brasil. Gazeta Mercantil, São Paulo, 1 out. 1999. p. B-2.

FAPESP. Inovação tecnológica. São Paulo. [on line]. [citada em 1999]. Disponível na Internet: <http://www.fapesp.br/fap007.htm>.

FINEP. Projeto Inovar. mar. 2000. (Mimeogr.).

FRANCO, Gustavo H. B. A inserção externa e o desenvolvimento. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 18, n. 3 (71), jul./set. 1998.

IEDI Políticas industriais em países selecionados - 2a parte: Economias em desenvolvimento/industrialização recente. São Paulo: Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial, 1998.

JABUR, M. Ângela. Transmissão de energia atrai iniciativa privada. Gazeta Mercantil, São Paulo, 11 ago. 2000. p. C-1.

LAPLANE, Mariano F., SARTI, Fernando. Investimento direto estrangeiro e o impacto na balança comercial nos anos 90. Brasília, D.F.: Ipea, 1999. (Texto para Discussão, n. 629).

LUCCHESI, Cristiane P. Empresas alongam captações externas. Valor Econômico, São Paulo, 3 ago. 2000. p. C-3.

MCT. Programa de Apoio a Empresas – Projeto Alfa. [on line]. [citada em 2000]. Disponível na Internet: <http://www.mct.gov.br/prog/mpresas/alfa.htm>.

MONTAGNON, Peter. Bird relativiza benefícios de privatizações na Ásia. Reuters, republicado na Gazeta Mercantil, São Paulo, 27 jul. 1999. p. A-10.

NUNES, Vicente. Programa revê dívidas com União. Gazeta Mercantil, São Paulo, 6 out. 1999. p. A-6.

OCDE. Venture capital and innovation. Paris, 1996.

OPIC. Overseas private investment corporation program handbook. [on line]. [citada em 1999]. Disponível na Internet: < http://www.opic.gov>.

PEREIRA, Vicente de Brito. O subsetor de infra-estrutura rodoviária. In: REZENDE, Fernando, PAULA, Tomás Bruginski de (Coord.). Infra-estrutura: perspectivas de reorganização. Transportes. Brasília, D.F.: IPEA,. 1998. v. 1, p. 89-214.

PRATES, Daniela. Abertura financeira e vulnerabilidade externa. In: CARNEIRO, R. et al. Gestão Estatal no Brasil: armadilhas da estabilização (1995-1998). São Paulo: Fundap, 2000. p.19-69.

RODRIGUES JR., Waldery. A participação privada do investimento no Brasil e o papel do project finance. Brasília, D.F.: IPEA, jul. 1997. (Texto para Discussão, n. 495).

SBCE. Seguro de crédito à exportação: riscos comerciais de curto prazo. Seguradora Brasileira de Crédito à Exportação, Manual. 1998. (Mimeogr.).

WOHLERS DE ALMEIDA, Márcio, CROSSETTI, Pedro. Telecomunicações. In: REZENDE, Fernando, PAULA, Tomás Bruginski de (Coord.). Infra-estrutura: perspectivas de reorganização. Brasília, D. F.: IPEA, 1997.

A Economia e Sociedade utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.