Política de Reconhecimento das Diferenças Étnico-Raciais no Brasil: Ações Afirmativas e a política para a Educação Superior Pública no Governo Lula

Autores

  • Danilo de Souza Morais Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.20396/ideias.v2i2.8649317

Palavras-chave:

Diferenças étnico-raciais no Brasil. Governo Lula.

Resumo

Neste ensaio pretendo contribuir para a reflexão sobre as duas gestões do Governo Federal brasileiro sob a presidência de Luiz Inácio Lula da Silva, do PT (Partido dos Trabalhadores), a partir de análise da política de reconhecimento das diferenças. Detenho-me, no referido período, mais especificamente nas diferenças étnico-raciais, discutindo o quadro em que avançam as ações afirmativas nas universidades públicas, relacionando-as com as políticas do Governo Federal para a Educação Superior Pública.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danilo de Souza Morais, Universidade Federal de São Carlos

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de São Carlos (PPGS-UFSCar). Membro do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros (Neab) e consultor do Programa de Ações Afirmativas (PAA), ambos também da UFSCar. É bolsista do CNPq.

Downloads

Publicado

2013-09-19

Como Citar

Morais, D. de S. (2013). Política de Reconhecimento das Diferenças Étnico-Raciais no Brasil: Ações Afirmativas e a política para a Educação Superior Pública no Governo Lula. Ideias, 2(2), 81–99. https://doi.org/10.20396/ideias.v2i2.8649317

Edição

Seção

Dossiê: Relações Brasil-China