A mobilidade populacional e sua relação com o ambiente: breve panorama dos principais debates

Autores

  • Carla Craice Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/ideias.v6i1.8649478

Palavras-chave:

Mobilidade populacional. População. Ambiente.

Resumo

O artigo realiza um panorama das discussões sobre a mobilidade populacional e sua relação com o ambiente. Para isso, são analisados livros e periódicos organizados pelo Grupo de Trabalho População, Espaço e Ambiente da Associação Brasileira de Estudos Populacionais desde sua primeira publicação em 1993. O conceito de mobilidade adotado nesta investigação compreende o movimento de um grupo populacional pelo espaço, não se restringindo a limites político-administrativos e sem fixação de intervalo de tempo. Dentre o conjunto de estudos analisados, a mobilidade esteve presente principalmente em debates sobre cidades, Amazônia e mudanças climáticas. Observou-se que a mobilidade populacional foi tratada a partir de uma relação dialética com a questão ambiental, nem simplesmente causa ou consequência, mas sim estabelecendo laços complexos com o seu entorno.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Craice, Universidade Estadual de Campinas

Possui bacharelado em Ciências Sociais com ênfase em Antropologia pela Universidade Estadual de Campinas (2010), também Licenciatura em Ciências Sociais. É mestra em Demografia pela mesma instituição. Atualmente está no Doutorado em Demografia na Unicamp, também vinculada a linha de pesquisa em População, Ambiente, Espaço e Sustentabilidade.

Referências

BAENINGER, R. Migração, migrações. Idéias – Revista do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UNICAMP, v. 1, n. 2, 2011.

BARBIERI, A. F. Mobilidade populacional, meio ambiente e uso da terra em áreas de fronteira: uma abordagem multiescalar. R. bras. Est. Pop., v. 24, n. 2, p. 225–246, 2007b.

BARBIERI, A. F. População, Uso da Terra e Prevalência de Malária na Amazônia Brasileira. In. HOGAN, D. J. (Org.). Dinâmica populacional e mudança ambiental: cenários para o desenvolvimento brasileiro. Campinas: Núcleo de Estudos de População – Nepo/Unicamp, 2007a.

BARBIERI, A. F.; GUEDES, G. A dinâmica demográfica e seus impactos ambientais na Amazônia: atualizações necessárias para uma política regional. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

CARMO, R. L. Cerrado: água, fogo e sustentabilidade. In: MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

CARMO, R. L.; SILVA, C. A. M. População em zonas costeiras e mudanças climáticas: redistribuição populacional e riscos. In: HOGAN, D. J.; MARANDOLA JR., E. (Eds.). População e mudanças climáticas: dimensões humanas das mudanças ambientais globais. Campinas; Brasília: Núcleo de Estudos de População – Nepo/Unicamp; UNFPA, 2009.

CÔRTES, J. C.; D'ANTONA, A. O. Dinâmicas no uso e cobertura da terra: perspectivas e desafios da Demografia. Revista R. bras. Est. Pop., v. 31, 2014.

COSTA, H. S. M. Indústria e produção do espaço e custos socioambientais: reflexões a partir do exemplo do Vale do Aço, Minas Gerais. In. COSTA, H. S. M.; TORRES, H. (Orgs.). População e meio ambiente: debates e desafi os. São Paulo: Editora SENAC São Paulo, 2000.

COSTA, H. S. M. Planejamento e ambiente em regiões metropolitanas. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

CUNHA, J. M. P. Mobilidade espacial da população: desafios teóricos e metodológicos para o seu estudo. In. CUNHA, J. M. P. (Org.). Mobilidade espacial da população: desafios teóricos e metodológicos para o seu estudo. Campinas: Núcleo de Estudos de População - Nepo/Unicamp, 2011.

D’ANTONA, A O.; CAK, A. D.; VANWEY, L. K. Efeitos da escala da análise em estudos de mudança da cobertura da terra entre Santarém e Altamira, no Pará, Brasil. In. HOGAN, D. J. (Org.). Dinâmica populacional e mudança ambiental: cenários para o desenvolvimento brasileiro. Campinas: Núcleo de Estudos de População – Nepo/Unicamp, 2007.

D’ANTONA, A. O.; VANWEY, L. K. Estratégia para amostragem da população e da paisagem em pesquisas sobre uso e cobertura da terra. R. bras. Est. Pop., v. 24, n. 2, p. 263–275. 2007.

FERREIRA, L. C. A política ambiental no Brasil. In. MARTINE, G. (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993.

FERREIRA, L. C. Mobilidade populacional e meio ambiente. R. bras. Est. Pop., v. 15, n. 2, p. 83–92, 1998.

FERREIRA, L. C. Mobilidade populacional, sustentabilidade ambiental e vulnerabilidade social. R. bras. Est. Pop., São Paulo, v. 22, n. 2, p. 323-338, 2005.

FERREIRA, L. C. População, pobreza e poluição em Cubatão, São Paulo. In. MARTINE, G. (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993.

HOGAN, D.; MARANDOLA JR., E.; OJIMA, R. Aglomerações urbanas e mobilidade. In. HOGAN, D.; MARANDOLA JR., E.; OJIMA, R. (Orgs.). População e Ambiente: desafi os à sustentabilidade. Série Sustentabilidade. São Paulo: Blucher, 2010.

LAZARTE, R. Tendências recentes de crescimento e distribuição espacial da população brasileira. Anais... V Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Águas de São Pedro-SP, 1986.

LEFF, E. Aventuras da epistemologia ambiental: da articulação das ciências ao diálogo de saberes. São Paulo: Cortez, 2012.

LIMA, D. M.; ALENCAR, E. F. Histórico da ocupação humana e mobilidade geográfi ca de assentamentos na várzea do médio Solimões. In. COSTA, H. S. M.; TORRES, H. (Orgs.). População e meio ambiente: debates e desafi os. São Paulo: Editora SENAC São Paulo, 2000.

MARANDOLA JR., E.; HOGAN, D. J. Em direção a uma demografi a ambiental? Avaliação e tendências dos estudos de População e Ambiente no Brasil. R. bras. Est. Pop., v. 24, n. 2, p. 191–223, 2007.

MARQUES, C. Desafi os teóricos e tendências recentes na demografi a espacial e ambiental brasileira. In. Anais... XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais, Águas de Lindóia, 2012.

MARTINE, G. A demografi a na questão ecológica: falácias e dilemas reais. In. MARTINE (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993a.

MARTINE, G. População, meio ambiente e desenvolvimento: o cenário global e nacional. In. MARTINE (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993b.

MARTINE, G.; OJIMA, R.; FIORAVANTE, E. F. Transporte individual, dinâmica demográfi ca e meio ambiente. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

NAKANO, K.; CUNHA, J. M. P. A Rio+20 e os desafios da crise urbana. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

QUEIROZ, B. L.; BARBIERI, A. Os potenciais efeitos das mudanças climáticas sobre as condições de vida e a dinâmica populacional no Nordeste Brasileiro. In. HOGAN, D. J.; MARANDOLA JR., E. (Orgs.). População e mudanças climáticas: dimensões humanas das mudanças ambientais globais. Campinas; Brasília: Núcleo de Estudos de População – Nepo/ Unicamp; UNFPA, 2009.

QUEIROZ, S. N. Migrações, retorno e seletividade no mercado de trabalho cearense. Tese de Doutorado. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP. 2013. Disponível em: . Acesso em out. 2014.

SAWYER, D. População e meio ambiente na Amazônia brasileira. In. MARTINE, G. (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993.

SYDENSTRICKER-NETO, J. Population and Environment in Amazonia: from just the numbers to what really counts. In. HOGAN, D. J.; BERQUÓ, E.; COSTA, H. S. M. (Eds.). Population and environment in Brazil: Rio+10. Campinas: CNPD, Abep, Nepo, 2002.

TORRES, H. G. Indústrias sujas e intensivas em recursos naturais: importância crescente no cenário industrial brasileiro. In. MARTINE, G. (Org.). População, meio ambiente e desenvolvimento: verdades e contradições. Campinas: Editora da UNICAMP, 1993.

TORRES, H. G. Migration and Environment: a view from Brazilian Metropolitan Areas. In. HOGAN, D. J.; BERQUÓ, E.; COSTA, H. S. M. (Orgs.). Population and environment in Brazil: Rio+10. Campinas: CNPD, Abep, Nepo, 2002.

TORRES, H. G.; SYDENSTRICKER-NETO, J. Por uma periferia sustentável. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

VAINER, C.; MELLO, C. C. A. Grandes projetos, deslocamentos compulsórios e meio ambiente: o caso de Belo Monte. In. MARTINE, G. (Ed.). População e sustentabilidade na era das mudanças ambientais globais: contribuições para uma agenda brasileira. Belo Horizonte: ABEP, 2012.

VANWEY, L. K.; GUEDES, G. R.; D'ANTONA, A. O. Out-migration and land-use change in agricultural frontiers: insights from Altamira se" lement project. Population and Environment, v. 34, 2012.

Downloads

Publicado

2015-10-28

Como Citar

CRAICE, C. A mobilidade populacional e sua relação com o ambiente: breve panorama dos principais debates. Ideias, Campinas, SP, v. 6, n. 1, p. 63–85, 2015. DOI: 10.20396/ideias.v6i1.8649478. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/ideias/article/view/8649478. Acesso em: 2 dez. 2021.