Lugar de resistência e construção do futuro

apontamentos a um ensaio reflexivo

Palavras-chave: Lugar, Resistência, Participação social, Cidadania, Cidade, Território.

Resumo

O artigo reúne ideias, questionamentos e reflexões sobre as forças de resistência que nascem e se desenvolvem em diferentes lugares de vida como reação aos processos históricos de dominação sociocultural, política e econômica, na forma de insurgências as mais diversas ocorridas nas últimas décadas. Inicialmente, procura-se estabelecer a compreensão do que é o lugar como força de resistência. Na sequência, pondera-se sobre o objeto nuclear dos movimentos e forças de resistência e tenta-se identificar níveis e formas de resistência que o lugar tende a oferecer, considerando a escala do Estado e da nação, e conduzindo à reflexão sobre as relações entre a resistência do lugar e a construção do futuro. Em sua perspectiva teórico-metodológica de caráter exploratório, o recurso a bibliografias selecionadas efetivou-se com incursões no campo interdisciplinar das ciências do espaço humano. Por fim, as reflexões em curso a respeito de temáticas afins ou complementares à abordagem sobre a força de resistência dos lugares foram sintetizadas relacionando problemáticas gerais ligadas às questões da participação social e da cidadania, tais como hoje são estudadas e discutidas na perspectiva da democracia como modo de vida e da reconstrução do conhecimento sobre as cidades ou outro lugar qualquer do território do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cilene Gomes, Universidade do Vale do Paraíba

Docente-pesquisador do Programa de Pós-graduação em Planejamento Regional e Urbano (PLUR) da Universidade do Vale do Paraíba.

Referências

ARENDT, H. A condição humana. 7ª edição. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1995.

BUBER, M. Sobre comunidade. São Paulo: Editora Perspectiva, 2010.

GOHN, M. G. Os movimentos e as lutas do período de 1964 a 2004 em São Paulo. Anais: VIII Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais. Coimbra, de 16 a 18 de setembro de 2004.

GOHN, M. G. A Sociedade brasileira em movimento: vozes das ruas e seus ecos políticos e sociais. Caderno CRH, vol. 27, núm. 71, junho-agosto, 2014, pp. 431-441, Universidade Federal da Bahia, Salvador, Brasil.

Guimarães, S. P. Quinhentos anos de periferia. 4ª edição. Porto Alegre; Rio de Janeiro: Editora da UFRGS e Contraponto, 2002.

HILLMAN, J. Cidade e alma. São Paulo: Studio Nobel, 1993.

JOVCHELOVITCH, S. Os contextos do saber: representações, comunidade e cultura. Petrópolis: Vozes, 2007.

OLIVEIRA, F. M. G. Do direito à cidade ao direito dos lugares. Tese de doutorado, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, PUC-Campinas, 2019.

RIBEIRO, A. C. T. Território usado e humanismo concreto: o mercado socialmente necessário. In: SILVA, Cátia Antônia da et al. Formas em crise: utopias necessárias. Rio de Janeiro: Arquimeds Edições, 2005. p. 93-111.

Pogrebinschi, T. A democracia do homem comum: resgatando a teoria política de John Dewey. Rev. Sociol. Polít., Curitiba, 23, p. 43-53, nov. 2004.

SANTOS, M. O espaço do cidadão. São Paulo: Nobel, 1987.

SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo. Razão e emoção. São Paulo: Hucitec, 1996.

SANTOS, M. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. Rio de Janeiro ; São Paulo: Record, 2000a.

SANTOS, M. Por uma nova federação. Brasília: Correio Braziliense, 2000b.

SANTOS, M. O país distorcido: o Brasil, a globalização e a cidadania. São Paulo: Publifolha, 2002.

SANTOS, B. S. e MENESES, M. P. (Org.). Epistemologias do Sul. São Paulo: Cortez, 2010.

SENRA, K. V. Cinquenta anos de políticas públicas federais de desenvolvimento regional no Brasil. In: FARIA, R. e SCHVARSBERG, B. Políticas urbanas e regionais no Brasil. Brasília: Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2011.

SILVA NETO, M. L. Cidades inteiras de homens inteiros: o espaço urbano na obra de Milton Santos. Texto elaborado a partir de palestra proferida por ocasião do lançamento do Prêmio Milton Santos, na Câmara Municipal de São Paulo, em 25 de junho de 2003.

TEILHARD de C., P. O fenômeno humano. São Paulo: Cultrix, 2006. (8ª impressão da 1ª edição de 1988)

Publicado
2019-08-12
Como Citar
Gomes, C. (2019). Lugar de resistência e construção do futuro. Idéias, 10, e019004. https://doi.org/10.20396/ideias.v10i0.8656199
Seção
Seção livre