Urbanização e industrialização: rios de São Paulo

Autores

  • Odette Carvalho de Lima Seabra Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/lobore.v9i1.2092

Palavras-chave:

Enchente, Urbanização, Eletrificação, Modernização, Concessão

Resumo

A hidroeletricidade foi um suporte essencial para a industrialização de São Paulo. The São Paulo Tramway Light and Power Co. Ltd., empresa canadense que operou em regime de concessão no Brasil, viabilizou a montagem do sistema em cuja base estava o aproveitamento do potencial hidráulico da Bacia do Alto Tietê. Neste breve ensaio recupero momentos de uma pesquisa maior para mostrar os impulsos gerados e suas implicações em diferentes esferas da vida social. Interessou particularmente trazer à luz a questão da inversão do curso do Rio Pinheiros, condição essencial para realizar a captação das águas do Tietê.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Odette Carvalho de Lima Seabra, Universidade de São Paulo

Professora do Programa de Pós-Graduação em Geografia Humana – FFLCH-USP. São Paulo [SP] Brasil.

Referências

PONTES, José Alfredo O.V. O Brasil na Visão da Light. São Paulo: Memória São Paulo, n.7.

PROCURADORIA GERAL. Abusos do Poder Econômico: Light e Estado da Guanabara. Revista de Direito, separata no8, Rio de Janeiro, 1960.

SAES, Alexandre M. ConZlitos do Capital. Bauru: Edusc, 2010.

SAES, Alexandre M. Light versus CBEE: Energia Elétrica na Formação da Industria Brasileira (1900-1920). in CASALS y CAPEL (org.). Capitalismo e história da eletriZicação, 1890-1930. Barcelona: Ediciones del Serbal, 2013.

SAES, Flávio. Café, Indústria e Eletricidade em São Paulo. História & Energia, São Paulo: Eletropaulo/ Departamento do Patrimônio Histórico, 1986. p.21.

SEABRA, Odette C. de Lima. Os meandros dos rios nos meandros do Poder. Tietê e Pinheiros: valorização dos rios e das várzeas na cidade de Paulo. Tese de doutoramento. São Paulo: FFLCH/USP, 1986.

Downloads

Publicado

2015-03-10

Como Citar

SEABRA, O. C. de L. Urbanização e industrialização: rios de São Paulo. Labor e Engenho, Campinas, SP, v. 9, n. 1, p. 37–48, 2015. DOI: 10.20396/lobore.v9i1.2092. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/labore/article/view/2092. Acesso em: 18 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos