A percepção dos moradores sobre os atrativos turísticos e visitantes em Porto Nacional [Tocantins], Brasil

Autores

  • Mariela Cristina Ayres de Oliveira Universidade Federal do Tocantins
  • Rosane Balsan Universidade Federal do Tocantins

DOI:

https://doi.org/10.20396/lobore.v4i3.77

Palavras-chave:

Patrimônio histórico, Turismo, Percepção humana

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivo geral analisar a percepção dos moradores do Centro Histórico em relação aos atrativos turísticos de Porto Nacional [TO], considerada como: patrimônio cultural brasileiro. A pesquisa foi desenvolvida especificamente nas ruas do Centro Histórico. Num primeiro momento, fez-se a pesquisa bibliográfica junto á biblioteca da Universidade Federal do Tocantins e também por meios digitais. Os questionários foram aplicados aleatoriamente com pessoas que concordaram em responder oralmente as questões, sendo as respostas transcritas pelas pesquisadora. Os dados foram coletados no período de dezembro de 2009, sendo utilizados como técnica de coleta de dados, a entrevista semi-estruturada, com perguntas abertas e fechadas, aplicadas aos moradores do Centro Histórico. As entrevistas com moradores levaram em média cinco dias, com duração de vinte minutos para cada questionários. Concluindo esta coleta, os dados foram analisados em gráficos e quadros, com a finalidade de contribuir com estudos quantitativos. A percepção dos moradores do Centro Histórico oferece uma oportunidade de conhecer opiniões sobre questões relativas aos atrativos turísticos e os seus visitantes. Os entrevistados revelaram na pesquisa a sua opinião quanto aos atrativos turísticos, visitantes e possibilidades de crescimento econômico do turismo na cidade em estudo. Para finalizar a pesquisa destaca as considerações finais, voltadas a defender o patrimônio histórico bem como a importância da divulgação e turismo do mesmo, além de estimular o elo entre problemas sociais e a função da universidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariela Cristina Ayres de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins

Professora Adjunta Curso de Arquitetura e Urbanismo, Coordenadora de linha do Núcleo de Pesquisa Neucidades. Universidade Federal do Tocantins [UFT]. Palmas [TO], Brasil.

Rosane Balsan, Universidade Federal do Tocantins

Professora Adjunta do Departamento de Geografia. Universidade Federal do Tocantins [UFT]. Orientadora da Pesquisa. Palmas [TO], Brasil.

Referências

BARBOSA, Ycarim Melgaço. O despertar do turismo: um olhar crítico sobre os não-lugares. São Paulo [SP]: Ale.: A cultura é, propriamente, esse movimento de criação, transmissão e reformulação desse ambiente artificial.

CHOAY, Françoise. Alegoria do Patrimônio. São Paulo [SP]: UNESP, 2001.

FILHO PELLEGRINI, Américo. Ecologia Cultura e Turismo. 7 ed. Campinas [SP]: Papirus, 1993. (Coleção turismo).

LEMOS, Carlos A. C. O que é patrimônio histórico. 4.ed., São Paulo [SP]: Brasiliense, 1985. 115p.

MENESES, José Newton Coelho. História & Turismo Cultural. Belo Horizonte [MG]: Autêntica, 2004.

MURTA, Stela Maris; ALBANO, Celina (Orgs.). Interpretar o Patrimônio: um exercício do olhar. Belo Horizonte [MG]: UFMG, 2002.

Downloads

Publicado

2010-09-29

Como Citar

OLIVEIRA, M. C. A. de; BALSAN, R. A percepção dos moradores sobre os atrativos turísticos e visitantes em Porto Nacional [Tocantins], Brasil. Labor e Engenho, Campinas, SP, v. 4, n. 3, p. 12–21, 2010. DOI: 10.20396/lobore.v4i3.77. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/labore/article/view/77. Acesso em: 25 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos