A deriva de sentidos de “Terra da luz” no pós-governo mudancista: uma análise do vídeo Ceará, terra da luz

Autores

  • Aline Maria Freitas Bussons Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v20i1.8637537

Palavras-chave:

Análise do discurso. Ceará. Governo das mudanças.

Resumo

A partir da análise do vídeo Ceará, terra da luz, discutiremos a deriva de sentidos da expressão “terra da luz” após a ascensão do “governo das mudanças” (quando Tasso Jereissati assume o governo do estado do Ceará nos anos de 1987). Como dispositivo de análise, utilizaremos as práticas de leitura da Análise do Discurso Materialista, nas quais, parte-se do pressuposto fundamental de que o sentido não é uma evidência, mas uma determinação das posições ideológicas em jogo num dado momento sócio-histórico (Pêcheux, 2009:146). Neste texto, portanto, buscaremos compreender o funcionamento discursivo de “terra da luz” em suas relações com a imagem de um Ceará paradisíaco construído pelo discurso turístico dos “governos das mudanças”

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Maria Freitas Bussons, Universidade Estadual de Campinas

Doutoranda em linguística Intituto de Estaudos da Linguagem / UNICAMP.

Referências

BELMINO, Silvia H. 2001. A tradição na modernidade ou a (re) significação imagética do Ceará contemporâneo: a propaganda turística dos Governos mudancistas. Tese de doutorado. Brasília, DF: Universidade De Brasília.

BELMINO, Silvia H. 2012. Venga sentir el calor del Caribe brasilero: a construção imagética do Ceará turístico. Conferencia UC-ICA Latinoamérica. Anais de congresso. Santiago de Chile

GIDDENS, Anthony. 1991. As consequências da modernidade. Trad. Raul Filker. – São Paulo: Editora Unesp.

GONDIM, Lídia M. P. 2007. Os “Governos das Mudanças” (1987-1994). In Sousa, Simone de (Org.) Uma nova história do Ceará – 4a ed. rev. e atual. – Fortaleza, CE: Edições Demócrito Rocha.

INDURSKY, Freda. 2011 A memória na cena do discurso. In Indursky, Freda; Mittmann, Solange e Ferreira, Maria Cristina Leandro (Orgs.). Memória e história na/da análise do discurso. – Campinas, SP: Mercado de Letras.

LAGAZZI, Suzy. 2009. O recorte significante na memória. In INDURSKY, Freda; LEANDRO FERREIRA, Maria Cristina; MITTMANN, Solange (Orgs.) O discurso na contemporaneidade: materialidades e fronteiras. São Carlos: Clara Luz.

NEVES, Frederico de Castro. 2007. “A seca na história do Ceará”. In Souza, Simone de (Org.). Uma nova história do Ceará – 4a ed. rev. e atual. – Fortaleza, CE: Edições Demócrito Rocha.

MUNIZ, Cellina Rodriguez. 2004. Uma aldeia que não é mais aldeia: o discurso do paradisíaco na publicidade turística – o caso de Canoa Quebrada. Dissertação de Mestrado. Fortaleza, CE: Universidade Federal do Ceará.

NECKEL, Nádia Régia Maffi. 2010. Tessitura e tecedura: movimentos de compreensão do discurso artístico no audiovisual. Anais do IX Encontro do CELSUL. Palhoça, SC. Universidade do Sul de Santa Catarina. Disponível in http://www.celsul.org.br/Encontros/09/artigos/Nadia%20Neckel.pdf.

ORLANDI, E. P. Efeitos do verbal sobre o não verbal. Rua. No. 01. Campinas, SP: Labeurb/Unicamp, 1995. p. 35-47

ORLANDI, E. P. 2009. A linguagem e seu funcionamento: as formas do discurso. 5a edição. Campinas, SP: Pontes.

ORLANDI, E. P. 2009. Análise de discurso: princípios e procedimentos. 8a ed. Campinas, SP: Pontes.

PÊCHEUX, Michel. 2010. A análise de discurso: três épocas. In Gadet, Françoise & Hak, Tony (orgs.). Por uma análise automática do discurso. 4a ed. – Campinas, SP: Editora da Unicamp.

PÊCHEUX, Michel. 2009. Semântica e Discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Trad. Eni Puccinelli Orlandi et al. – 4a ed. – Campinas, SP: Editora da Unicamp.

PÊCHEUX, Michel. 2008. O discurso: estrutura ou acontecimento. Trad. Eni P. Orlandi. 5a ed. Campinas, SP: Pontes Editores.

Downloads

Publicado

2015-07-03

Como Citar

BUSSONS, A. M. F. A deriva de sentidos de “Terra da luz” no pós-governo mudancista: uma análise do vídeo Ceará, terra da luz. RUA, Campinas, SP, v. 20, n. 1, p. 50–64, 2015. DOI: 10.20396/rua.v20i1.8637537. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8637537. Acesso em: 23 maio. 2022.

Edição

Seção

Estudos