Linha de passe: a materialidade significante em análise

Autores

  • Suzy Lagazzi Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v16i2.8638825

Palavras-chave:

Análise de discurso. Materialidade significante. Discurso social. Análise discursiva de filmes. Contradição discursiva. Linha de passe

Resumo

Neste artigo busco analisar como o social se apresenta em Linha de Passe, um filme de Walter Salles e Daniella Thomas. Inscrita na perspectiva discursiva materialista, chamo a atenção para um funcionamento específico da imagem em  Linha de Passe: sua ‘metonimização’. Nesse modo de textualização da imagem, apresento a contradição condensada em sentidos que dão visibilidade a um social equívoco. Nesta análise, procuro compreender o social investido pelo político na materialidade significante de Linha de Passe.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Suzy Lagazzi, Universidade Estadual de Campinas

Professora do Departamento de Lingüística - Instituto de Estudos da Linguagem. UNICAMP

Referências

DUCROT, O. & TODOROV, T. Dicionário das Ciências da Linguagem. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1982.

LAGAZZI, S. O recorte significante na memória. Apresentação no III SEAD – Seminário de Estudos em Análise do Discurso, UFRGS, Porto Alegre, 2007. In: O

Discurso na Contemporaneidade. Materialidades e Fronteiras. INDURSKY, F., FERREIRA, M. C. L. & MITTMANN, S. (orgs.). São Carlos, Claraluz, 2009.

ORLANDI, E. Interpretação. Petrópolis: Vozes, 1996.

PÊCHEUX, M. O discurso: estrutura ou acontecimento. Campinas: Pontes, 1990.

Downloads

Publicado

2015-07-17

Como Citar

LAGAZZI, S. Linha de passe: a materialidade significante em análise. RUA, Campinas, SP, v. 16, n. 2, p. 173–182, 2015. DOI: 10.20396/rua.v16i2.8638825. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8638825. Acesso em: 31 jan. 2023.

Edição

Seção

Estudos