Do repetível ao historicizado: notas sobre uma prática de sentidos

Autores

  • Rejane Maria Arce Vargas Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v15i1.8638870

Palavras-chave:

Sujeito. Sentido. Mobilização social. Historicidade

Resumo

Neste texto, fazemos uma reflexão acerca do discurso de mobilização social presentificado em textos de adolescentes que vivenciaram e praticaram uma história tecida por entre saberes discursivos doutrinário-libertários, em um espaço urbano no qual o litígio sobre o que ‘se tem direito’ foi desde sempre objeto de reivindicação. Esses textos foram produzidos em contexto escolar e analisados sob uma perspectiva materialista do sentido a qual impõe pensar que os modos de ser e estar no mundo são incontornavelmente constituídos pela linguagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rejane Maria Arce Vargas, Universidade Federal de Santa Maria

Professora do Departamento de Letras Vernáculas da Universidade Federal de Santa Maria-RS, Brasil;
Doutoranda em Letras/Estudos Lingüísticos (UFSM/ PPGL/ Laboratório Corpus). Universidade Federal de Santa Maria

Referências

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Lei No 7933. Sistema Legis. Porto Alegre, RS. Nov. 1984. Disponibilidade em: http://www.al.rs.gov.br/Legis/M010/M0100017.asp?txtNumDocs=10.

BARRETO, R. G. Análise de Discurso: Conversa com Eni Orlandi. In: Teias. Rio de Janeiro, 2006, ano 7, no 13-14, jan/dez. Disponibilidade em: http://www.periodicos.proped.pro.br/index.php?journal=revistateias&page=article&op=viewFile&path[]=210&path[]=209

BLOG PROJETO PERIFERIA. Disponibilidade em: http://novasantamarta.blogspot.com/2007/06/vida-na-periferia.html

BOTEGA, L. da R. Ocupação da Fazenda Santa Marta em Santa Maria-RS (1991-1993). Monografia. Especialização em História do Brasil – Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria-RS, 2004.

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE SANTA MARIA. Legislação. Santa Maria, RS. Disponibilidade em: http://www.camara-sm.rs.gov.br/

ESCOLA MARISTA SANTA MARTA. [s/d]. Vídeo Institucional. Santa Maria, RS: KVA Produções.

ESCOLA MARISTA SANTA MARTA. Nossa História. Disponibilidade em: http://www.maristas.org.br/colegios/page.asp?cod=28&codpag=1044. Acesso em mai.2006.

GADET, F.; PÊCHEUX, M. A língua inatingível: o discurso na história da lingüística. Trad. de Bethania Mariani (et al.) Campinas, SP: Pontes. 2004.

GUIMARÃES, E. Semântica do Acontecimento: um estudo enunciativo da designação. Campinas-SP: Pontes. 2005.

LEWKOWICZ, I.; CANTARELLI, M.; Grupo Doze. Do Fragmento à Situação: anotações sobre a subjetividade contemporânea. Trad. de Maria O. Payer e Romualdo Dias. [Del Fragmento a la Situación. Notas sobre la Subjetividade Contemporânea. Argentina: Editorial Altamira, 2003]. 2006.

MARIANI, B. Sujeito e sentido: efeitos de linguagem. In: Selección de Artículos Presentados durante el Tercer Coloquio Latinoamericano de Estudios del Discurso.

Santiago do Chile: Universidad de Chile y Pontificia Universidad Católica de Chile,1999. Disponibilidade em: http://www.uchile.cl/facultades/filosofia/Editorial/libros/discurso_cambio/65Marian.pdf

MOVIMENTO NACIONAL DE LUTA PELA MORADIA. Disponibilidade em: http://www.mnlmsm.blogspot.com/

ORLANDI, E. P. À flor da Pele. In: MARIANI, Bethania (Org.). A escrita e os escritos: reflexões em análise do discurso e psicanálise. São Carlos- SP: Claraluz, 2006.

ORLANDI, E. P. Discurso e Texto: formulação e circulação dos sentidos. 2. ed. Campinas-SP: Pontes, 2005.

ORLANDI, E. P. Língua e Conhecimento Lingüístico: Para uma História das Idéias no Brasil. São Paulo-SP): Cortez, 2002.

PÊCHEUX, M. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Trad. de Eni P. Orlandi et al. 3. ed. Campinas-SP: Editora da Unicamp, 1997.

SCHERER, M. de F. Nova Santa Marta: uma evolução histórico-espacial. Santa Maria-RS: Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Naturais e Exatas, Departamento de Geociências, Grupo de Pesquisa em Educação e Território, 2005, 36 p. (cartilha).

VARGAS, R. M. A. Ponte para o Devir: um trajeto por entre saberes discursivos. Dissertação (Mestrado em Letras/Estudos Lingüísticos). Santa Maria-RS: PPGL/Universidade Federal de Santa Maria, 2008.

Downloads

Publicado

2015-07-22

Como Citar

VARGAS, R. M. A. Do repetível ao historicizado: notas sobre uma prática de sentidos. RUA, Campinas, SP, v. 15, n. 1, p. 30–48, 2015. DOI: 10.20396/rua.v15i1.8638870. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8638870. Acesso em: 29 jun. 2022.

Edição

Seção

Estudos