Sociabilidade, cultura e violência no espaço urbano. Leituras e reflexões

Autores

  • Luís Antônio Francisco de Souza Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v5i0.8640679

Palavras-chave:

Violência urbana. Poder público. Sociabilidade

Resumo

A questão da violência urbana foi vista, tradicionalmente, pekas ciências sociais, pelo prisma de suas causas e das respostas do poder público. Os temas da crise econômica, da desagregação familiar, da desorganização do espaço urbano, da violência praticada pelos órgãos do Estado e da sociabilidade violenta marcaram as reflexões nas duas últimas décadas. Todavia, desde as análises intentadas pelos sociólogos da Escola de Chicago até nossos dias, a teoria social buscou novas fontes de inspiração para analisar o problema. O primeiro objetivo desse texto é retomar aquela primeira reflexão e apontar para outras possibilidades analíticas. A característica das cidades modernas demonstra uma retratação da ideia de civilidade e uma expansão da privatização dos espaços públicos, a começar pela nossa própria história, marcada pela violência e pelos privilégios. Ou seja, a questão urbana, sua abrangência e relevância para o pensamento moderno, merece múltiplas abordagens, que façam justiça à multiplicidade de experiências sociais e psíquicas ancoradas na experiência da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Antônio Francisco de Souza, Universidade Estadual Paulista

Cursou Graduação (1987) e Licenciatura (1994) em Ciências Sociais na Universidade de São Paulo. Cursou mestrado (1992) e Doutorado (1998) em Sociologia na Universidade de São Paulo, com Estágio Sanduíche na Universidade de Toronto, Canadá (1995-1996), sob supervisão de Robert W. Shirley. 

Downloads

Publicado

2015-10-07

Como Citar

SOUZA, L. A. F. de. Sociabilidade, cultura e violência no espaço urbano. Leituras e reflexões. RUA, Campinas, SP, v. 5, p. 21–42, 2015. DOI: 10.20396/rua.v5i0.8640679. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8640679. Acesso em: 9 ago. 2022.

Edição

Seção

Estudos