A relação psique-mundo: questões epistemológicas

Autores

  • Marion Minerbo Universidade Federal de São Paulo
  • Latife Yazigi Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v7i1.8640720

Palavras-chave:

Psique-mundo. Sociedade de consumo. Compulsão

Resumo

Este trabalho estuda a relação psique-mundo em quatro versões epistemológicas tendo como eixo condutor um caso de compulsão a comprar. A primeira enfoca a psique em nível individual privilegiando a noção de conflito, defesa e solução sintomática. A segunda considera os estressores socioculturais da cultura do nascisismo e seus reflexos sobre a família edipiana. A terceira entende a psique em sua dimensão simbólica, considerando a sociedade de consumo deste ponto de vista. A quarta aborda a psique enquanto estrutura incinsciente de uma época. Neste sentido, a pós-modernidade e sua psicopatologioa específica são relacionadas a uma forma simbólica historicamente nova. Cada vesão produz uma interpretação diferente do caso clínico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marion Minerbo, Universidade Federal de São Paulo

Doutora em Medicina pela Unifesp. Membro efetivo da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo.

Latife Yazigi, Universidade de São Paulo

Latife Yazigi Psicóloga pela Faculdade de Filosofia Ciências e letras da Universidade de São Paulo (1964-68), Mestre em Psicologia Clínica pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (1969-70), Doutor em Psicologia Clínica pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (1973), Visiting Scholar no Departamento de Ciência do Comportamento da Universidade de Chicago, EUA (bolsa de Pós-doutorado Comissão Fulbright-CAPES, 1981-83), estágio no Laboratório de Psicofisiologia Cognitiva Aplicada da Universidade de Liège (Programa de Intercâmbio Internacional CAPES-Comunidade Francesa na Bélgica, 1992), Livre-docência pela Universidade Federal de São Paulo (1995) e Professora Titular do Departamento de Psiquiatria da Universidade Federal de São Paulo (1997). Coordena o Programa de Especialização em Psicologia da Saúde da Universidade Federal de São Paulo desde 1979. É pesquisadora 1B do CNPq, membro do Comitê de Psicologia da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (2006 a 2013), parecerista ad-hoc do CNPq, CAPES e de vários periódicos. Foi Vice-presidente da Sociedade Internacional de Rorschach em diferentes gestões. É membro do Comitê Assessor da Sociedade Brasileira de Rorschach. Áreas de especialização: Fundamentos e Medidas da Psicologia, Prevenção e Tratamento Psicológico, com ênfase em Método de Rorschach, Psicopatologia, Psicanálise, Personalidade. Coordenadora Acadêmica da Secretaria Sato Sensu da Pró-Reitoria de Extensão da UNIFESP desde 2009. 

Downloads

Publicado

2015-10-07

Como Citar

MINERBO, M.; YAZIGI, L. A relação psique-mundo: questões epistemológicas. RUA, Campinas, SP, v. 7, n. 1, p. 41–63, 2015. DOI: 10.20396/rua.v7i1.8640720. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8640720. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

Estudos