O estudo das avenidas como método de análise sobre o desenho urbano da cidade

Autores

  • Mariana Sousa de Andrade Universidade Estadual de Feira de Santana
  • Lysie dos Reis Universidade Estadual de Feira de Santana

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v23i2.8651149

Palavras-chave:

Transformações urbanas. Cidade. Avenidas. Planejamento urbano.

Resumo

Temos, por objetivo, analisar o desenho urbano da cidade de Feira de Santana – Bahia, de acordo com suas transformações. Consideramos o desenho urbano como linguagem que, como tal, foi o lócus desta análise e compreensão das práticas sociais citadinas. Com este pensamento, serão estudadas as principais avenidas da urbe, relacionando suas modificações com as estratégias de planejamento. Pretendemos, através da revisão bibliográfica e dos estudos da paisagem, entender as características dessas avenidas e, assim, utilizar este conhecimento para a compreensão do traçado da avenida Nóide Cerqueira. Percebemos então, que todas as avenidas influenciam na mudança do desenho urbano das áreas onde são construídas, sendo consideradas vetores de formação e transformação urbana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariana Sousa de Andrade, Universidade Estadual de Feira de Santana

Arquiteta e Urbanista, mestranda do Programa de Pós Graduação (Mestrado) em Desenho, Cultura e Interatividade da Universidade Estadual de Feira de Santana - UEFS.

Lysie dos Reis, Universidade Estadual de Feira de Santana

Arquiteta e Urbanista, orientadora, Doutora em História Social pela Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS. Departamento de Ciências Humanas, Campus I, Universidade Estadual da BahiaUNEB.

Referências

AZEVEDO, Livia Dias. Feira de Santana: entre culturas, paisagens, imagens e memórias visuais urbanas (1950-2009),1ª ed. Feira de Santana: UEFS Ed., 2015.

DEL RIO, Vicente. Introdução ao desenho urbano no Processo de Planejamento. São Paulo: Pini, 1990.

GEHL, Jan. Cidade para pessoas, 3ª ed. São Paulo: Editora Perspectiva S.A., 2015.

LYNCH, Kevin. A imagem da cidade. São Paulo: editora,2006.

OLIVEIRA, Maria Leny Sousa. Feira de Santana no contexto da urbanização brasileira e a questão da moradia na favela. Feira de Santana: UEFS editora, 2014.

OLIVEIRA, Sidiney de Araujo. Desenhando a idéia de uma avenida feliz: imagens das histórias e memórias da avenida Senhor dos Passos, Feira de Santana, BA, 1ª ed. Feira de Santana: UEFS Editora, 2013.

SANTO, Sandra Medeiros. A expansão urbana, o Estado e as águas em Feira de Santana – Bahia (1940-2010), 2012. 275f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo)-Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal da Bahia, UFBA, 2012.

TEIXEIRA, Maria Fernanda Montanha. Planejamento urbano e desenho urbano: um estudo sobre suas relações múltiplas e mutantes. Curitiba: PPGTU, 2013.

OLIVEIRA, Lysie dos Reis; TRINCHÃO, Gláucia Maria Costa. A história contada a partir do desenho. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ENGENHARIA GRÁFICA NAS ARTES E NO DESENHO, Feira de Santana – UEFS, 1998.

SANTO, Sandra Medeiros et al. Planejamento urbano de Feira de Santana (BA): comparação entre os planos diretores de 1968 e 2000. In: Revista Geográfica da América Central, número especial, EGAL. Salvador - UFBA, 2011.

SPECK, Jeff. Cidade caminhável. São Paulo:Editora Perspectiva S.A., 2016.

VILLAÇA, Flávio. Dilemas do Plano Diretor. In: Cidade: Centro de Assessoria e Estudos Urbanos, Publicações, Artigos. Porto Alegre: Ongcidade, 2000.

Downloads

Publicado

2017-12-05

Como Citar

ANDRADE, M. S. de; REIS, L. dos. O estudo das avenidas como método de análise sobre o desenho urbano da cidade. RUA, Campinas, SP, v. 23, n. 2, p. 389–414, 2017. DOI: 10.20396/rua.v23i2.8651149. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8651149. Acesso em: 2 out. 2022.

Edição

Seção

Artigo