Banner Portal
O gaúcho como herói da decadência em Os ratos, de Dyonélio Machado
PDF

Palavras-chave

Os ratos. Herói da decadência. Gaúcho herói. Mito.

Como Citar

SEBBEN, Ismael; CECCAGNO, Douglas. O gaúcho como herói da decadência em Os ratos, de Dyonélio Machado. RUA, Campinas, SP, v. 24, n. 2, 2018. DOI: 10.20396/rua.v24i2.8653450. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8653450. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

O objetivo deste artigo é identificar e analisar, na obra Os ratos, de Dyonélio Machado, com foco em seu protagonista Naziazeno Barbosa, a condição humana do homem citadino perante a Porto Alegre do início do século XX, ressaltando as transformações do mito do gaúcho herói, bem como explicitar os comportamentos daquele que se entende ser um herói da decadência. Para tanto, abordar-se-ão, a partir de textos teóricos que discorrem sobre a Porto Alegre da época, seu espaço e suas vivências, o imaginário das cidades, a relação entre campo e cidade na história e na literatura, além da caracterização do herói da decadência. Assim, com base na representação que os textos teóricos e literários oferecem e mediante a análise da obra de Dyonélio, visa-se a discorrer sobre a mutação do mito do gaúcho herói a partir das transformações do espaço, da subversão de valores e da imposição de novas normas de conduta a que é submetido Naziazeno no espaço urbano.
https://doi.org/10.20396/rua.v24i2.8653450
PDF

Referências

CESAR, Guilhermino. História da literatura do Rio Grande do Sul (1737-1902). 3. ed. Porto Alegre: IEL; Corag, 2006.

KOTHE, Flávio R. O herói. 2. ed. São Paulo: Editora Ática S.A, 1987.

MACHADO, Dyonélio. Os ratos. 3. ed. São Paulo: Editora Planeta do Brasil, 2004.

PESAVENTO, Sandra J. Historiografia e ideologia. In: FREITAS, Décio et al. RS: cultura e ideologia. DACANAL, José H.; GONZAGA, Sergius (Org.). Porto Alegre: Mercado Aberto, 1980. (Série Documenta; 3)

PESAVENTO, Sandra J. Memória Porto Alegre: espaço e vivências. 2.ed. Porto Alegre: Ed. Universidade/ UFRGS, 1999.

PESAVENTO, Sandra J. O imaginário da cidade: visões literárias do urbano – Paris, Rio de Janeiro, Porto Alegre. 2. ed. Porto Alegre: Ed. Universidade/UFRGS, 2002.

POZZENATO, José Clemente. O regional e o universal na Literatura Gaúcha. Porto Alegre: Movimento, Instituto Estadual do Livro, 1974.

WILLIAMS, Raymond. O campo e a cidade na história e na literatura. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

ZILBERMAN, Regina. A literatura no Rio Grande do Sul. 2. ed. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1982.

O periódico RUA utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.