Banner Portal
Por um arquivo (d)e memória
PDF

Palavras-chave

Corpo trans
Discurso
Arquivo
Memória
Transgeneridade

Como Citar

CAVALCANTE, André; SOUZA, Lucília Maria Abrahão e. Por um arquivo (d)e memória: corpos-trans na Argentina e no Brasil. RUA, Campinas, SP, v. 28, n. 2, p. 405–418, 2022. DOI: 10.20396/rua.v28i2.8670932. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8670932. Acesso em: 12 jun. 2024.

Resumo

A partir da Análise do Discurso e da mobilização das noções de arquivo e memória, este trabalho objetiva refletir sobre a construção de arquivos digitais sobre a transgeneridade na Argentina e no Brasil. Nosso gesto de análise acerca das materialidades inscritas nas páginas do Instagram @archivotrans e @acervobajuba, lança um olhar sobre as subjetividades trans no decorrer da história, observando como o trabalho de arquivo é feito na incompletude e na falta, questionando, também, quais saberes sobre os corpos-trans podem/devem ser inscritos no fio do discurso.

https://doi.org/10.20396/rua.v28i2.8670932
PDF

Referências

ASSMANN, Aleida. Espaços da recordação – formas e transformações da memória cultural. Campinas, Editora da Unicamp, 2011.

CAVALCANTE, André. O corpo que habito: resistências e produção de sentidos dos/sobre os corpos trans. (Tese de Doutorado) Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagem, Niterói: 2021.

FARGE, Arlette. O sabor do arquivo. São Paulo: Edusp, 2009. FUKS, B. B. O homem Moisés e a religião monoteísta – Três ensaios: O desvelar de um assassinato. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2014.

GONÇALVES JR., Sara W. P. Morte anunciada: reflexões de uma mulher travesti sobre o assassinato de Dandara. JESUS, D. M; MELO, G. C. V; TCHALIAN, V; GONÇALVES JÚNIOR, S. W (Orgs.). Corpos transgressores: políticas de resistências. Campinas: Pontes Editores, 2018.

HERCULINO, Bruno Monteiro. Discurso e Psicanálise: efeitos de corpo nas transidentidades. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Psicologia, USP: Ribeirão Preto, 2021

JESUS, Jaqueline Gomes de. Xica Manicongo: a transgeneridade toma a palavra. In: ReDoC, Revista Docência e Cibercultura. V3. N1. Rio de Janeiro: 2019.

ORLANDI, Eni. As formas do silêncio: no movimento dos sentidos. 6. ed. Campinas: Pontes, 2007.

PÊCHEUX, M. Ler o arquivo hoje. IN: Eni Orlandi. (org). Gestos de leitura. Campinas: Editora da Unicamp, [1982] 2010.

PÊCHEUX, Michel. O discurso: Estrutura ou acontecimento. Campinas: Pontes Editores, [1983] 2015.

PÊCHEUX, Michel. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Campinas: Editora da Unicamp, [1975] 2009.

PRECIADO, Paul. B. Manifesto contrassexual (Tradução Maria Paula Gurgel Ribeiro). São Paulo: N-1 Edições, 2014.

ROBIN, Régine. A memória saturada. Campinas: Editora da Unicamp, 2016.

VELOSO, Caetano. Dom de Iludir. In: VELOSO, C. Totalmente Demais [CD]. Rio de Janeiro: Philips Records, 1986.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 RUA

Downloads

Não há dados estatísticos.