"O artista perfeito": Clarice Lispector e a poética da inocência

Simone Rossinetti Rufinoni

Resumo


Este trabalho pretende – a partir da crônica “O artista perfeito”, de Clarice Lispector – analisar a presença da inocência na obra da autora, não só enquanto tema, mas também como princípio estético.

 


Palavras-chave


Clarice Lispector. Inocência. Crônica. Prosa introspectiva.

Texto completo:

PDF

Referências


ARÊAS, Vilma. A hora da estrela. In: Clarice Lispector com a ponta dos dedos. São Paulo: Cia das letras, 2005.

ARENDT, Hannah. A condição humana. Rio de Janeiro: Forense universitária, 2013.

AUERBACH, Eric. A meia marrom. In: Mimesis: a representação da realidade na literatura ocidental. São Paulo: Perspectiva, 1976.

ENZENZBERGER, Hans Magnus. Linguagem universal da poesia moderna. In: Com raiva e paciência. Ensaios sobre literatura, política e colonialismo. Rio de Janeiro: Civilização brasileira, 1985.

FREUD, Sigmund. Além do princípio do prazer. In: História de uma neurose infantil (o homem dos lobos), além do princípio do prazer e outros textos (1917-1920). São Paulo: Cia das Letras, 2010.

LISPECTOR, Clarice. A descoberta do mundo. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

LISPECTOR, Clarice. A hora da estrela. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

LISPECTOR, Clarice. Água Viva. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1993.

LISPECTOR, Clarice. Felicidade clandestina: contos. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

LISPECTOR, Clarice. Laços de família: contos. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

MARTINS, Gilberto Figueiredo. Estátuas invisíveis. Experiências do espaço público na ficção de Clarice Lispector. São Paulo: Nankin/Edusp, 2010.

MOSER, Benjamin. Clarice, uma biografia. São Paulo: Cosac Naify, 2013.

NUNES, Benedito. O drama da linguagem. Uma leitura de Clarice Lispector. São Paulo: Ática, 1995.

PERRONE-MOISÉS, Leyla. A fantástica verdade de Clarice. In: Flores da escrivaninha: ensaios. São Paulo: Cia das letras, 1990.

SOUZA, Gilda de Mello e. O vertiginoso relance. In: Exercícios de leitura. Col. O baile das quatro artes. São Paulo: Duas Cidades, 1980.

SCHILLER, Friedrich. Poesia ingênua e sentimental. São Paulo: Iluminuras, 1991.

STEINER, George. Linguagem e silêncio: ensaios sobre a crise da palavra. São Paulo: Cia das letras, 1988.




DOI: http://dx.doi.org/10.20396/remate.v36i2.8647907

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Simone Rossinetti Rufinoni

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

(c) Remate de Males, Campinas (SP) - ISSN 2316-5758.