Banner Portal
A tradução do pensamento de Angela Davis para o Brasil
PDF

Palavras-chave

Resenha

Como Citar

PARADIS, Clarisse Goulart. A tradução do pensamento de Angela Davis para o Brasil: por uma história das origens interseccionais do feminismo. Cadernos Pagu, Campinas, SP, n. 58, p. e205818, 2021. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8664379. Acesso em: 17 abr. 2024.

Resumo

Angela Davis é umas das mais importantes feministas contemporâneas. Sua potente história de luta política encarnou uma geração de reivindicações por humanidade, igualdade e liberdade não só para o povo negro, mas para todas as parcelas oprimidas da sociedade. O sentido de suas reflexões aliaram, como ninguém, teoria e prática, em uma leitura da história, da sociedade e da política, que estiveram e ainda estão fundamentalmente conectadas com um novo devir, uma transformação profunda da realidade e, portanto, seu pensamento entra no rol das teorias críticas, do pensamento produzido desde a subalternidade e de profundo valor para um outro mundo possível.

PDF

Referências

DAVIS, Angela. Mulheres, raça e classe. São Paulo, Boitempo, 2016 (1981).

HOOKS, bell. Ain’t I a woman: black women and feminism. London, Pluto Press, 1982.

TRUTH, Soujourner. E não sou uma mulher? 2014

[http://www.geledes.org.br/e-nao-sou-uma-mulher-sojournertruth/#gs.h8jBXJA - acesso em 23 nov. 2016].

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 Cadernos Pagu

Downloads

Não há dados estatísticos.