Banner Portal
As formas discursivas e a ameaça comunista
PDF

Palavras-chave

Análise do discurso
formas discursivas remissivas
comunismo
comunista
esquerda
mídia social.

Como Citar

MARIANI, Bethania. As formas discursivas e a ameaça comunista . Línguas e Instrumentos Linguísticos, Campinas, SP, n. 44, p. 270–289, 2019. DOI: 10.20396/lil.v0i44.8657817. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/lil/article/view/8657817. Acesso em: 19 jul. 2024.

Resumo

A partir do arcabouço teórico da Análise do discurso, considerando, sobretudo, o conceito de formas discursivas remissivas (PÊCHEUX, 1969), objetiva-se depreender e analisar os processos de produção de sentidos para as palavras comunismo, comunista e esquerda na discursividade política brasileira, tal como estão circulando na mídia social.

https://doi.org/10.20396/lil.v0i44.8657817
PDF

Referências

FEU, F. (2008). O sujeito no discurso: Pêcheux e Lacan. Tese de doutorado. Belo Horizonte: Programa de PG em Linguística.

MARIANI, B. (2018). Discursividades prêt-à-porter, funcionamento de fake news e processos de identificação. Entremeios. Revista de estudos do discurso. Volume 17. UNIVAS: Universidade do Vale do Sapucaí, jul/dez.

MARIANI, B. (1998). O PCB e a imprensa. Os comunistas no imaginário dos jornais. Campinas, Rio de Janeiro: Editora da UNICAMP & Editora Revan.

MARX, K.; ENGELS, F. (1998). “Manifesto do Partido Comunista”. In: Revista Estudos avançados. Dossiê Manifesto comunista. Volume 12, número 34, SP, set./dez. 1998.

ORLANDI, E. (1992). As formas do silêncio no movimento dos sentidos. Campinas: Editora da UNICAMP.

ORLANDI, E. (1996). Interpretação. Autoria, leitura e efeitos do trabalho simbólico. São Paulo: vozes.

ORLANDI, E. (2001). Análise do discurso: princípios e procedimentos. Campinas: Pontes. Pêcheux, M. (1990). O discurso. Estrutura ou acontecimento. Campinas, Pontes.

PÊCHEUX, M. (1988). Semântica e discurso. Uma crítica à afirmação do óbvio. Campinas: Editora da UNICAMP.

PÊCHEUX, M. (2012). Delimitações, inversões, deslocamentos. Cadernos de Estudos Linguísticos, número 19, 2012, p. 7-24.

PÊCHEUX, M. (1990). “Análise automática do discurso”. In: GADET, F.; HAK, T. Por uma análise automática do discurso. Uma introdução à obra de Michel Pêcheux. Campinas: Editora da UNICAMP.

A revista Línguas e Instrumentos Linguísticos utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.