Banner Portal
AAD-69
PDF

Palavras-chave

Resenha
AAD-69
Michel Pêcheux

Como Citar

SOBRINHO , H. F. da S. AAD-69: uma referência incontornável . Línguas e Instrumentos Linguísticos, Campinas, SP, n. 44, p. 340–352, 2019. DOI: 10.20396/lil.v0i44.8657820. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/lil/article/view/8657820. Acesso em: 5 mar. 2024.

Resumo

Cinquenta anos! Isso mesmo! Em 2019, comemoramos os 50 anos de uma obra fundadora: Análise Automática do Discurso, conhecida como AAD-69, do professor-filósofo-cientista-militante Michel Pêcheux1. Fazer a apreciação dessa obra fundadora, em uma data festiva como essa, implica retomar memórias históricas de nossas práticas científicas e políticas, mas, sobretudo, também exige pensar a atualidade e, advirto, arriscar dar novos passos em direção ao futuro, em estreita relação crítica com nosso tempo histórico.

         
https://doi.org/10.20396/lil.v0i44.8657820
PDF

Referências

ADORNO, Guilherme et al. (2019). Encontros na análise de discursos: efeitos de sentidos entre continentes. Campinas-SP: Editora da Unicamp.

GADET, Françoise et al. (1997). Apresentação da conjuntura em Linguística, em Psicanálise e em informática aplicada ao estudo dos textos na França, em 1969. In: GADET, Françoise & HAK, Tony. (Orgs.). Por uma Análise Automática do Discurso: uma introdução à obra de Michel Pêcheux. 3ª edição. Campinas-SP: Ed. da Unicamp.

HENRY, Paul. (1997). Os fundamentos teóricos da “Análise Automática do Discurso” de Michel Pêcheux (1969). In: GADET, Françoise & HAK, Tony. (Orgs.). Por uma Análise Automática do Discurso: uma introdução à obra de Michel Pêcheux. 3ª edição. Campinas-SP: Ed. da Unicamp.

MAINGUENEAU, Dominique. (2008). Michel Pêcheux: três figuras. In: BARONA, Roberto & KOMESU, Fabiana (Orgs.). Homenagem a Michel Pêcheux: 25 anos de presença na análise do discurso. Campinas-SP: Mercado de Letras.

MALDIDIER, Denise. (2003). A inquietação do discurso: (re) ler Michel Pêcheux Hoje. Campinas: Pontes.

ORLANDI, Eni. (2005). A Análise de Discurso em suas diferentes tradições intelectuais: o Brasil. In: INDURSKY, Freda; FERREIRA, M.ª Cristina (Org.). Michel Pêcheux e a análise do discurso: uma relação de nunca acabar. São Carlos: Claraluz.

ORLANDI, Eni. (1999). Análise de Discurso: princípios e procedimentos. São Paulo: Pontes.

SILVA SOBRINHO, Helson. (2018). “Os (des)arranjos das lutas entre posições idealistas e materialistas na Análise do Discurso”. In: BALDINI, Lauro & BARBOSA FILHO, Fábio. Análise de discurso e materialismos: prática política e materialidades. Vol. 2. Campinas: Pontes.

A revista Línguas e Instrumentos Linguísticos utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.