Banner Portal
Nordeste e nordestino
PDF

Palavras-chave

ENEM
Nordeste brasileiro
Nordestino

Como Citar

MODESTO, Rogério; SOUZA, Alan Lobo de; LINS, Anderson. Nordeste e nordestino: efeitos de sentido no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) . Línguas e Instrumentos Linguísticos, Campinas, SP, v. 25, n. 50, p. 166–184, 2022. DOI: 10.20396/lil.v25i50.8670734. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/lil/article/view/8670734. Acesso em: 25 jul. 2024.

Resumo

Em nossa proposta, analisamos como comparecem discursivamente significados o "Nordeste" e o "nordestino" nas provas de Língua Portuguesa que compõem a área Linguagens, Códigos e suas Tecnologias do ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio. Tratamos o ENEM como um instrumento linguístico e perguntamo-nos pelos sentidos de Nordeste e nordestino formulados e postos em circulação nesse material, com vistas a compreender o funcionamento do imaginário sobre o Nordeste/nordestino e suas relações com a língua e o funcionamento linguístico e discursivo.

https://doi.org/10.20396/lil.v25i50.8670734
PDF

Referências

ALBUQUERQUE JÚNIOR, D. Muniz de. A invenção do nordeste e outras artes. São Paulo: Cortez, 2011

AMOSSY, Ruth; HERSCHBERG PIERROT, Anne. Estereotipos y clichés. Editora Universitária de Buenos Aires, 2001.

AUROUX, Sylvain. A questão da origem das línguas, seguido de A historicidade das ciências. Campinas: Editora RG, 2008.

AUROUX, Sylvain. A revolução tecnológica da gramatização. Campinas, Editora Unicamp, 2009.

BRASIL. ENEM: documento básico. Brasília: MEC/INEP, 1998.

BRASIL. ENEM: fundamentação teórico-metodológico. Brasília: MEC/INEP, 2005.

FERREIRA, Ana Cláudia F. A Análise de discurso e a constituição de uma história das ideias linguísticas do Brasil. Fragmentum, n. Especial, Jul./Dez, 2018. DOI: https://doi.org/10.5902/2179219436580

GUIMARÃES, Eduardo; ORLANDI, Eni Puccinelli. (orgs.). Língua e cidadania: o português no Brasil. Campinas: Pontes, 1996.

GUIMARÃES, Eduardo. História da Semântica: sujeito, sentido e gramática no Brasil. Campinas: Pontes, 2004.

INDURSKY, Freda. A construção metafórica do povo brasileiro. Revista Organon, v. 9, n. 23, 2012. DOI: https://doi.org/10.22456/2238-8915.29368.

LAGAZZI-RODRIGUES, Suzy. O político na Linguística: processos de representação, legitimação e institucionalização. In: ORLANDI. Eni P. Política linguística no Brasil. Campinas: Pontes Editores, 2007.

NEVES, Joana. Entre o criticado e o legitimado: ANPUH, AGB e os Parâmetros Curriculares Nacionais. In: In: DIAS, Margarida (org.). Contra o Consenso: LDB, DCN, PCN e reformas no ensino. João Pessoa: Sal da Terra, 2000. p. 73-81.

NUNES, José Horta. Uma articulação da análise de discurso com a história das ideias linguísticas. In: Revista Letras, n. 37, 2008. p. 107-124. DOI: https://doi.org/10.5902/2176148511982

ORLANDI, Eni Puccinelli. Língua e conhecimento linguístico. São Paulo: Cortez, 2002.

ORLANDI, Eni Puccinelli. Discurso e texto: formulação e circulação dos sentidos. Campinas: Pontes Editores, 2008.

PÊCHEUX, Michel. Papel da memória. In: ACHARD, P. et al. (Org.) Papel da memória. Trad. José Horta Nunes. Campinas: Pontes, 1999.

PÊCHEUX, Michel. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Trad. Eni Puccinelli Orlandi. Campinas: Editora da Unicamp, 2010.

PFEIFFER, Cláudia. A língua nacional no espaço das polêmicas do século XIX/XX. In: História das ideias linguísticas no Brasil: construção do saber metalinguístico e constituição da língua nacional. Campinas: Pontes; Cáceres, MT: UNEMAT Editora, 2001. p. 167- 183.

SANTOS, Josefa Maria. A revista Veja e as estratégias discursivas de categorização do nordestino em períodos eleitorais. In: Anais eletrônicos da XXVI Jornada do Grupo de Estudos Linguísticos do Nordeste. Recife: Pipa comunicação, 2016.

SILVA, Mariza Vieira. O sujeito urbano escolarizado e as políticas de língua(s): de pobre a excluído. In: Investigações, v. 31, n. 2, 2018. p. 248-263.

ZOPPI-FONTANA, Mónica Graciela (org.). O português do Brasil como língua transnacional. Campinas: Editora RG, 2009.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Línguas e Instrumentos Línguísticos

Downloads

Não há dados estatísticos.