Discursos imobiliários e o reforço da imagem urbana no bairro Jundiaí, em Anápolis, GO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rua.v26i1.8659981

Palavras-chave:

Imagem urbana, Discurso imobiliários, Bairro jundiaí, Anápolis

Resumo

O artigo propõe debater o espaço urbano e sua relação com a imagem urbana, tendo como sujeito de pesquisa o bairro Jundiaí, em Anápolis (GO), priorizando uma abordagem teórica interdisciplinar. O bairro em questão tem recebido crescentes investimentos imobiliários desde a valorização consequente da implantação do parque ambiental Ipiranga, e nota-se a tentativa de estabelecerem-se novos hábitos. Recorre-se ao conceito de city marketing, tendo em vista que as cidades são tratadas como mercadorias no cenário da produção e reprodução de espaço no capitalismo. Para alcançar os objetivos, é necessária a aproximação com os discursos utilizados pela publicidade dos empreendimentos imobiliários do bairro, assim como as principais ferramentas utilizadas para veiculá-los, atingindo seu público-alvo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Laura Lopes Cabral, Universidade Estadual de Goiás

Mestra em Territórios e Expressões Culturais no Cerrado pela Universidade Estadual de Goiás. Professora adjunta no curso de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade Serra da Mesa.

 

Milena d’Ayala Valva, Universidade Estadual de Goiás

Doutora em Projeto, Espaço e Cultura pela Universidade de São Paulo. Professora em Territórios e Expressões Culturais no Cerrado e Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estadual de Goiás.

Referências

ANÁPOLIS GLOBAL. Anápolis é feliz cidade, 2017. Disponível em: http://anapolisglobal.com.br/anapolis-e-feliz-cidade/. Acesso em: 01. 07. 2019.

ARANTES NETO, A. A. Paisagens paulistanas: transformações do espaço público. Campinas: Editora da Unicamp; São Paulo: Imprensa Oficial, 2000. 190p.

CALVINO, I. As cidades invisíveis. Tradução de Diogo Mainardi. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. 152 p.

DAOU, A. M. Sobre os avessos da história e dos espaços urbanos no Brasil. In: ANDRADE, R. de.; TERRA, C. (Org.). Avesso da paisagem: percepção artístico-urbana e dimensão socioespacial. Rio de Janeiro: Rio Book’s, 2012. p. 157-166.

DUARTE, F. Cidade, modos de usar: um ensaio sobre Curitiba. In: FERRARA, L. da.; DUARTE, F.; CAETANO, K. E. (Org.). Curitiba: do modelo à modelagem. São Paulo: Annablume; Curitiba: Champagnat, 2007. p. 171-234.

EMISA INCORPORADORA. Belvedere du Parc, 2019a. Disponível em: https://construtoraemisa.com.br/empreendimentos/belvedere-du-parc/. Acesso em: 02. 07. 2019.

EMISA INCORPORADORA. Mirantes do Vale, 2019b. Disponível em: https://construtoraemisa.com.br/empreendimentos/mirantes-do-vale/. Acesso em: 03. 07. 2019.

FARIA, J. R. V. de. Discursos e impactos em grandes projetos urbanos: estudo de caso sobre a Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves. In: OLIVEIRA, F. L.; CARDOSO, A. L.; COSTA, H. S. M; VAINER, C. B. (Org.). Grandes Projetos Metropolitanos: Rio de Janeiro e Belo Horizonte. 1ed. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2012. p. 216-231.

FERRARA, L. D’A. Leitura sem palavras. São Paulo: Ática, 1997. 72p.

G1 GLOBO. Pesquisa do IPEA aponta o Centro-Oeste como a região mais positiva com relação ao amanhã, 2013. Disponível em: https://g1.globo.com/globo-reporter/notiia/2013/11/pesquisa-do-ipea-aponta-o-centro-oeste-como-regiao-mais-positiva-com-relacao-ao-amanha.html. Acesso em: 04. 07. 2019.

G1 GLOBO/GO. Já pensou em morar na cidade mais feliz do Centro-Oeste? Conheça Anápolis. Por Faculdade Metropolitana de Anápolis – FAMA, 2019. Disponível em: https://g1.globo.com/go/goias/especial-publicitario/faculdade-metropolitana-de-anapolis-fama/noticia/2019/01/28/ja-pensou-em-morar-na-cidade-mais-feliz-do-centro-oeste-conheca-anapolis.ghtml. Acesso em: 04. 07. 2019.

IMOVEL WEB, Imobiliária. Apartamento, Setor Jundiai (4 Quartos, 5 Banheiros, 4 Vagas). Casa Opus Ipiranga, 2019. Disponível em: https://www.imovelweb.com.br/propriedades/apartamento-setor-jundiai-4-quartos-5-banheiros. Acesso em: 05. 07. 2019.

JACQUES, P. B. Notas sobre espaço público e imagens da cidade. Arquitextos (São Paulo), 2009. Disponível em: http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/10.110/41. Acesso em: jul. 2019.

LEFEBVRE, H. A vida cotidiana no mundo moderno. São Paulo: Editora Ática, 1991. 216p.

OLIVEIRA, B. O direito da cidade e o avesso da arte. In: ANDRADE, R. de.; TERRA, C. (Org.). Avesso da paisagem: percepção artístico-urbana e dimensão socioespacial. Rio de Janeiro: Rio Book’s, 2012. p. 201-228.

OPUS IC, Incorporadora. Casa Opus Ipiranga, 2019a. Disponível em: http://opusic.com.br/imovel/casa-opus-ipiranga/. Acesso em: 06. 07. 2019.

OPUS IC, Incorporadora. Forma Opus Jundiaí, 2019b. Disponível em: http://opusic.com.br/imovel/forma-opus-jundiai/. Acesso em: 07. 07. 2019.

OSTERMANN, E. A. Imagem urbana: Percepção e Devaneio. In: MACHADO, D. B. P.; VASCONCELLOS, E. M. de. (Orgs.). Cidade e Imaginação. Rio de Janeiro: UFRJ/FAU/PROURB, 1996. p. 157-164.

PALLASMAA, J. Os olhos da pele: a arquitetura e os sentidos. Porto Alegre: Bookman, 2011. 76p.

PEREIRA, C. S. S. Comércio e serviços: a centralidade urbana na cidade média de Juazeiro do Norte/CE. In: IV Colóquio Internacional sobre o comércio e cidade: uma relação de origem. Uberlândia, 2013, p. 1-19.

PITANGUY, Y. Cidade, projetos e cotidiano. In: MACHADO, D. B. P.; VASCONCELLOS, E. M. de. (Org.). Cidade e Imaginação. Rio de Janeiro: UFRJ/FAU/PROURB, 1996. p. 126-129.

PORTAL 6. Cartão postal de Anápolis, parque Ipiranga está sendo revitalizado, 2017. Disponível em: https://portal6.com.br/2017/12/22/cartao-postal-de-anapolis-parque-ipiranga-esta-sendo-revitalizado/. Acesso em: 08. 07. 2019.

PREMIERE, Imóveis. Bairros em Anápolis: um guia com as características dos principais setores da cidade, 2019. Disponível em: http://www.premiereimoveis.imb.br/blog/bairros-em-anapolis-caracteristicas-dos-principais-setores-da-cidade. Acesso em: 09. 07. 2019.

RIBEIRO, A. C. T. Territórios da sociedade: por uma cartografia da ação. In: SILVA, C. A. da (Org.). Território e ação social: sentidos da apropriação urbana. Rio de Janeiro: Lamparina, 2011. p. 16-30.

RIBEIRO, A. C. T. Homes lentos, opacidades e rugosidades. REDOBRA. Salvador, PRONEM/UFBA, n. 9, 2012. p. 58-71. DOI: https://doi.org/10.30875/39889bd6-en

SÁNCHEZ, F. O city marketing de Curitiba: Cultura e comunicação na construção da imagem urbana. In: OLIVEIRA, L. de.; RIO, V. del. Percepção ambiental: a experiência brasileira. São Paulo: Studio Nobel, 1999. 2 ed. p. 83-96.

SÁNCHEZ, F. A reinvenção das cidades na virada de século: agentes, estratégias e escalas de ação política. Revista Sociol. Polít., Curitiba, 2001. v.16. p. 31-49. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-44782001000100004

SBTC. São Francisco Business Tower. Euro Construções, 2019. Disponível em: https://nocoracaodojundiai.com.br/. Acesso em: 10. 07. 2019.

SEGAUD, M. Antropologia do espaço: habitar, fundar, distribuir, transformar. São Paulo: Edições SESC São Paulo, 2016. 312 p.

SOUZA, C. F. de. Entre a cidade do desejo e a cidade do possível: um plano de melhoramentos para Porto Alegre em 1914. In: MACHADO, D. B. P.; VASCONCELLOS, E. M. de. (Org.). Cidade e Imaginação. Rio de Janeiro: UFRJ/FAU/PROURB, 1996. p. 208-222.

SOUZA, M. L. de. A cidade, a palavra e o poder: práticas, imaginários e discursos heterônomos e autônomos na produção do espaço urbano. In: CARLOS, A. F. A.; SOUZA, M. L. de; SPOSITO, M. E. B. (Org.). A produção do espaço urbano: agentes e processos, escalas e desafios. São Paulo: Contexto, 2013. p.147-166.

SPOSITO, M. E. B. Multi(poli)centralidade urbana. In: SPOSITO, E. S.; SANT'ANNA NETO, J. L. (Org.). Uma Geografia em Movimento. São Paulo: Expressão Popular, 2010. p. 199-228.

STEINBERGER, M. B. Discursos geopolíticos da mídia: jornalismo e imaginário internacional na América Latina. São Paulo: EDUC; Fapesp; Cortez, 2005. 312p.

VAINER, C. Pátria, empresa e mercadoria: notas sobre a estratégia discursiva do Planejamento Estratégico Urbano. In: ARANTES, O.; VAINER, C.; e MARICATO, E. A cidade do pensamento único. Petrópolis: Vozes, 2000. p. 75-104.

VILLAÇA, F. Espaço intra-urbano no Brasil. São Paulo: FAPESP, 2001. 392p.

Downloads

Publicado

2020-06-09

Como Citar

CABRAL, A. L. L.; VALVA, M. d’Ayala. Discursos imobiliários e o reforço da imagem urbana no bairro Jundiaí, em Anápolis, GO. RUA, Campinas, SP, v. 26, n. 1, 2020. DOI: 10.20396/rua.v26i1.8659981. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rua/article/view/8659981. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Estudos