O acervo do Tribunal de Justiça de São Paulo, Comarca de Campinas

Autores

  • Laura Candian Fraccaro Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v24i1.8647142

Palavras-chave:

Tribunal de Justiça, Processo, Historiografia, História vista de baixo.

Resumo

O presente texto tem como objetivo fazer uma análise histórica da constituição do fundo do Tribunal de Justiça de São Paulo, Comarca de Campinas, que se encontra sob guarda do Centro de Memória da Universidade Estadual de Campinas (CMU). O referido acervo contém por volta de 50 mil documentos, entre processos judiciais e testamentos e quase duas centenas de livros de registros de assuntos diversos. O reconhecimento da importância de acervos judiciais, como o descrito aqui, está fortemente entrelaçado com os movimentos da história e da historiografia. Nessa breve análise, pretendo demonstrar como o surgimento de novos protagonistas na história fomentou a necessidade  de guarda e preservação de documentos, principalmente, os judiciais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Laura Candian Fraccaro, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Mestre em História Social da Cultura pela Universidade Estadual de Campinas (2010). Possui graduação em História pela mesma universidade (2009). Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Império, atuando principalmente nos seguintes temas: micro-história, memória social e pequeno comércio.

Referências

BLUTEAU, Raphael. Vocabulario portuguez & latino. Coimbra: Collegio das Artes da Companhia de Jesus, 1712 - 1728. v. 4. Disponível em: <http://dicionarios.bbm.usp.br/pt-br/dicionario/edicao/1>. Acesso em: 1 set. 2016.

CHALHOUB, Sidney. Trabalho, lar e botequim. Campinas: Editora da Unicamp, 2001.

______. O Conhecimento da História, o Direito à Memória e os Arquivos Judiciais. In: Curso de Formação de Multiplicadores em Políticas de Resgate, Preservação, Conservação e Restauração do Patrimônio Histórico da Justiça do Trabalho no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Memorial do TRT 4ª Região, 2005.

FRACCARO, Laura C. Vidas em liberdade: pequenos agricultores em Campinas, 1800-1850. 2012. Dissertação (Mestrado em História Social) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas. 2012.

LAPA, José Roberto do Amaral. Os Cantos e os antros: Campinas: 1850-1900. São Paulo: Editora da USP; Campinas: Editora da Unicamp, 2008a.

______. Os excluídos: contribuição à história da pobreza no Brasil. Campinas: Editora da Unicamp, 2008b.

MACFARLANE, Alan. Reconstructing Historical Communities. London: Cambridge University Press, 1977.

Downloads

Publicado

2016-10-14

Como Citar

FRACCARO, L. C. O acervo do Tribunal de Justiça de São Paulo, Comarca de Campinas. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 24, n. 1, p. 241–250, 2016. DOI: 10.20396/resgate.v24i1.8647142. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8647142. Acesso em: 24 out. 2021.

Edição

Seção

CMU: arquivo e suas fontes