Imperativos nas línguas Arawá

  • Mateus Cruz Maciel de Carvalho CAPES Foundation - Ministry of Education of Brazil, Brasília, Brazil
Palavras-chave: Imperativos, Categorias gramaticais, Línguas Arawá.

Resumo

As línguas Arawá são faladas no sul da Amazônia por pessoas que vivem no interflúvio Juruá-Purus. Tipologicamente, a estrutura do predicado de tais línguas e sintética e composta predominantemente por sufixos. Neste artigo eu forneço uma comparação dos imperativos nas línguas Arawá com intuito de mostrar as características que elas incluem, e as categorias linguísticas que essas línguas empregam no imperativo. Contrariamente à expectativa, a disctinção de gênero (que é amplamente espalhada nas gramáticas das línguas Arawá) e somente empregada em duas línguas (Jarawara e Kulina) nesta família. Todas as línguas Arawá incluem formas para negar imperativos. Exceto Paumarí (a qual marca a negação in construções imperativas por uma partícula na posição inicial da cláusula), todas as línguas Arawá têm morfemas qye podem ser anexados a raiz verbal indicando negação.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mateus Cruz Maciel de Carvalho, CAPES Foundation - Ministry of Education of Brazil, Brasília, Brazil
É graduado em Letras pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2010) e mestre em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (2013). Atualmente, cursa doutorado em Linguística e Língua Portuguesa também na Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", tendo realizado estágio (CAPES/PDSE) de um ano na James Cook University, Austrália, onde é Adjunct Research Fellow. Atua na área de teoria e análise linguística, com foco em fonologia, morfologia e sintaxe. Tem se dedicado à análise, descrição e documentação da língua Deni, língua indígena brasileira pertencente à família Arawá.

Referências

Aikhenvald, Alexandra Y. (2010). Imperatives and commands. Oxford, United Kingdom: Oxford University Press.

Aikhenvald, Alexandra Y. (2012). The languages of the Amazon. Oxford, United Kingdom: Oxford University Press.

Aikhenvald, Alexandra Y. (2015). The art of grammar. A practical guide. Oxford, United Kingdom: Oxford University Press.

Carvalho. Mateus Cruz Maciel de (2013a). Considerações sobre a fonologia da língua Deni (Arawá). In Leopoldo O. Labastía (ed.). Cuestiones de fonética, fonología y oralidad, pp. 98-104. Mendoza, Argentina: Facultad de Filosofia y Letras, Universidad Nacional de Cuyo.

Carvalho. Mateus Cruz Maciel de (2013b). A fonologia da língua Deni (Arawá). São Paulo, Brazil: Cultura Acadêmica.

Carvalho. Mateus Cruz Maciel de (forthcoming). Estudo morfossintático da língua Deni (Arawá). Araraquara. Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (PhD thesis).

Chapman, Shirley; Derbyshire, Desmond C. (1991). Paumarí. In Desmond C. Derbyshire; Geoffrey K. Pullum (eds.). Handbook of Amazonian languages, vol 3, pp. 151-352. Berlin, Germany: Mouton de Gruyter.

Dienst, Stefan (2008). The internal classification of the Arawan languages. LIAMES. Línguas Indígenas Americanas 8: 61-67.

Dienst, Stefan (2014). A grammar of Kulina. (Vol. 66). Berlin: Mounton de Gruyter.

Dixon, R. M. W. (1999). Arawá. In R. M. W. Dixon; Alexandra Y. Aikhenvald (eds.). The Amazonian languages, pp. 294-306. New York, United States of America: Cambridge University Press.

Dixon, R. M. W. (2004a). Proto-Arawá phonology. Anthropological Linguistics 46: 1-83.

Dixon, R. M. W. (2004b). The Jarawara language of Southern Amazonia. Oxford, United Kingdom: Oxford University Press.

Dixon, R. M. W. (2006). Annotated bibliography of the Arawá language family to 1950. International Journal of American Linguistics 72: 522-534.

Everett, Daniel (1995). Sistemas prosódicos da família Arawá. In Leo Wetzels (ed.). Estudos fonológicos das línguas indígenas brasileiras, pp. 297-340. Rio de Janeiro, Brazil: Editora da UFRJ.

Melatti, Julio Cezar (2011). Juruá-Purus. Available at: (http://www.juliomelatti.pro.br/areas/18jurpur.pdf). Accessed (12 Jan 2016).

Tiss, Frank (2004). Gramática da língua Madiha (Kulina). São Leopoldo, Brazil: Oikos.

Publicado
2016-12-20
Como Citar
Cruz Maciel de Carvalho, M. (2016). Imperativos nas línguas Arawá. LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, 16(2), 307-322. https://doi.org/10.20396/liames.v16i2.8646353
Seção
Artigos