Banner Portal
Resenha: A grammar of Kukama-Kukamiria: A language from the Amazon
PDF

Palavras-chave

Línguas Ameríndias. Família tupi-guarani. Línguas Amazônicas. Línguas da Amazônia Peruana. Língua kukama

Como Citar

CORBERA MORI, Angel. Resenha: A grammar of Kukama-Kukamiria: A language from the Amazon. LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, Campinas, SP, v. 18, n. 1, p. 191–201, 2018. DOI: 10.20396/liames.v1i1.8652456. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/liames/article/view/8652456. Acesso em: 24 maio. 2024.

Resumo

Resenha da obra "A grammar of Kukama-Kukamiria: A language from the Amazon" escrita pela linguista Rosa Vallejos sobre a gramática da língua indígena kukama e de sua variedade, o kukamiria. Esta obra foi publicada no ano de 2016 pela Brill's Studies in the Indigenous Languages of the Americas . Ela contém 17 capitulos, cada um dos quais é comentado brevemente nesta resenha.
https://doi.org/10.20396/liames.v1i1.8652456
PDF

Referências

Cabral, Ana Suelly Arruda C..; Rodrigues, Aryon Dall'Igna (2003). Evidências de crioulização abrupta em Kokáma? PAPIA-Revista Brasileira de Estudos do Contato Linguístico 13(1): 180-186.

Cabral, Ana Suelly Arruda C. (1995). Contact-induced change in the Western Amazon: The non-genetic origin of the Kokama language (Ph.D. dissertation). University of Pittsburg.

Espinosa, Lucas (1935). Los tupí del oriente peruano: Estudio lingüístico y etnográfico (Sección de Antropología y Lingüística). Madrid: Imprenta de Librería y Casa Editorial Hernando (S.A.).

Espinosa Lucas (1989). Breve diccionario analítico-castellano-tupí del Perú (Sección Cocama). Iquitos: Ediciones C.E.T.A.

Faust, Norma (1972). Gramática Cocama: Lecciones para el aprendizaje del idioma cocama (Serie Lingüística Peruana 6). Lima: ILV, MEC.

Lathrap, Donald W. (1970). The Upper Amazon (Ancient peoples & places). Thames & Hudson Ltd.

Michael, Lev (2014). On the pre-Columbian origin of Proto-Omagua-Kokama. Journal of Language Contact 7: 309-344.

Rodrigues, Aryon D. (1984/1985). Relações internas na família linguística tupí-guaraní. Revista de Antropologia 27/28: 33-53.

Rose, Françoise (2013). Los generolectos del Mojeño. LIAMES – Línguas Indígenas Americanas 13: 115-134. Disponível em:

https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/liames/article/view/1534/1524

doi: 10.20396/liames.v0i13.1534

Seki, Lucy (2000). Gramática do Kamaiurá. Língua tupi-guarani do Alto Xingu. Campinas, SP.: Editora UNICAMP, Imprensa Oficial.

Schultze-Berndt, Eva; Himmelmann, Nikolaus P. (2004). Depictive secondary predicate in crosslinguistic perspective. Linguistic Typology 8: 59-131.

Stock Anthony Wayne (1981). Los nativos invisibles. Notas sobre la historia y realidad actual de los cocamilla del río Huallaga, Perú (Serie Antropológica 4). Lima: Centro Amazónico de Antropológica y Aplicación Práctica (CAAAP).

Vallejos Yopán, Rosa (2010). A grammar of Kukama-Kukamiria (Ph.D. dissertation). University of Oregon.

A LIAMES: Línguas Indígenas Americanas utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Os artigos e demais trabalhos publicados na LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, publicação de acesso aberto, passa a seguir os princípios da licença do Creative Commons. Uma nova publicação do mesmo texto, de iniciativa de seu autor ou de terceiros, fica sujeita à expressa menção da precedência de sua publicação neste periódico, citando-se a edição e a data desta publicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.