Experiências brasileiras em revitalização de línguas indígenas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/liames.v20i0.8661583

Palavras-chave:

Revitalização, Línguas indígenas brasileiras

Resumo

Organizada por Wilmar D'´Angelis e Domingos Nobre, a obra é um  relato  do que se tem aprendido com as experiências em ações de revitalização de línguas indígenas no Brasil e apresenta quais são os grandes problemas enfrentados na prática, por todos os que participam dessa realidade: primeiramente as comunidades indígenas, e junto com elas, as ONG´s, as Instituições governamentais e as universidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Odair Vedovato Júnior, Universidade Estadual de Campinas

Mestre em Linguística pelo Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas com especial interesse em línguas indígenas. 

Referências

Brasil (1988). Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicaocompilado.htm

D'Angelis, Wilmar; Nobre, Domingos (Orgs.) (2020). Experiências brasileiras em revitalização de línguas indígenas. Campinas, SP: Curt Nimuendajú.

UNESCO (2003). Language vitality and endangerment (UNESCO Ad Hoc Expert Group on Endangered Languages). Paris. Disponível em:

http://www.unesco.org/new/fileadmin/MULTIMEDIA/HQ/CLT/pdf/Language_vitality_and_endangerment_EN.pdf

Downloads

Publicado

2020-11-10

Como Citar

Vedovato Júnior, O. (2020). Experiências brasileiras em revitalização de línguas indígenas. LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, 20, e020013. https://doi.org/10.20396/liames.v20i0.8661583

Edição

Seção

Resenhas