Mulheres e filosofia

efeitos de um silenciamento

Palavras-chave: Análise de discurso francesa, Mulheres filósofas, História da filosofia antiga

Resumo

Nesta pesquisa, investigamos acerca dos ditos e não-ditos das e sobre as mulheres filósofas que compõem a História da Filosofia Antiga. Com o tema “Mulheres filósofas e a institucionalização do silêncio”, e filiadas à Análise de Discurso Francesa, refletimos sobre o discurso filosófico-científico produzido acerca das mulheres, que as apagaram na história do conhecimento, e sobre o discurso filosófico-científico produzido por mulheres e que durante anos foi silenciado. Recortamos nosso corpus a partir das ementas de disciplinas de História da Filosofia Antiga presentes nos Planos Políticos-Pedagógicos de Graduação em Filosofia, em Universidades Federais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dantielli Assumpção Garcia, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Doutora em Estudos Linguísticos pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp). Atualmente, é docente no curso de Graduação e de Pós-Graduação em Letras da Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Anna Deyse Rafaela Peinhopf, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Mestra em Letras na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste). Professora da rede pública estadual do Paraná.

Referências

ALTHUSSER, L. Ideologia e aparelhos ideológicos do Estado. São Paulo: Martins Fontes, 1974.

BUTLER, J. Problemas de Gênero: feminismo e subversão da identidade. Rio de Janeiro: civilização Brasileira, 2017.

DAVIS, A. Mulheres, raça e classe. São Paulo: Boitempo, 2016.

DUBY, G.; PERROT, M. (Org.). História das mulheres no Ocidente. Porto: Afrontamento, 1990.

FERREIRA, M. C. L. Análise do Discurso e suas interfaces: o lugar do sujeito na trama do discurso. Organon, UFGRS: v. 24, n 48, 2010.

GARCIA-ROZA, L. A. Freud e o inconsciente. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2009.

GASPAR, A. M. A representação das Mulheres no Discurso dos Filósofos: Hume, Rousseau, Kant e Condorcet. Rio de Janeiro: Uapê, 2019.

MARX, K.; ENGELS, F. Manifesto do Partido Comunista. São Paulo, Editora Anita Garibaldi, 2018.

MÈNAGE, G. Historia de las mujeres filósofas. Spain: Herder, 2009.

ORLANDI, E. P. Segmentar ou Recortar. Série Estudos - 10. Uberaba: Curso de Letras do Centro de Ciências Humanas e Letras das Faculdades Integradas de Uberaba, 1984.

ORLANDI, E. P. Análise de discurso: princípios e procedimentos. Campinas: Pontes, 2010.

ORLANDI, E. P. As formas do silêncio : no movimento dos sentidos. 6. ed. Campinas: Editoras da Unicamp: 2013.

PÊCHEUX, M. Análise Automática do Discurso (AAD-69). In: GADET, F.; HAK, T. (Org.). Por uma análise automática do discurso. Campinas: Ed. Unicamp, 1990 [1969].

PÊCHEUX, M. Semântica e Discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 1988.

PÊCHEUX, M. ; FUCHS, C. A propósito da Análise Automática do Discurso. In: GADET, F.; HAK, T. (Org.). Por uma análise automática do discurso. Campinas: Editora da Unicamp, 1990 [1975].

PACHECO, J. (Org.). Filósofas: a presença das mulheres na filosofia. Porto Alegre: Editora Fi, 2016.

PERROT, M. Minha história das mulheres. São Paulo: Contexto, 2007.

SCHERER, A, E.; PETRI, V.; MARTINS, T. S. Na análise de discurso, ‘a paisagem é realmente acidentada’, ou reflexões acerca de seu processo de disciplinarização no sul do Brasil. Signo y Seña, Facultad de Filosofía y Letras (UBA), n. 24, p.21-34, 2013.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. Projeto Político-Pedagógico do curso de licenciatura em Filosofia. Maceió: UFAL, 2006.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. Projeto Pedagógico do curso de bacharelado em Filosofia. Santa Maria, UFSM: 2009.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA. Projeto Político-Pedagógico do curso de graduação em Filosofia. Porto Velho: UNIR, 2009.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Projeto pedagógico do curso de bacharelado em Filosofia. Santo André, UFABC: 2011.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO. Projeto Político-Pedagógico do curso de licenciatura em Filosofia. Cuiabá: UFMT, 2013.

Publicado
2020-04-30
Como Citar
Garcia, D. A., & Peinhopf, A. D. R. (2020). Mulheres e filosofia. Línguas E Instrumentos Línguísticos, 23(45), 164-189. https://doi.org/10.20396/lil.v23i45.8659387
Seção
Artigo