Banner Portal
Representações sobre ciência e cientista em Pokemon e Lilo & Stitch
PDF

Palavras-chave

Ciência
Imaginário
Desenho animado

Como Citar

MOTA, Ilka de Oliveira; NOBRE, Yuri de Oliveira Monteiro. Representações sobre ciência e cientista em Pokemon e Lilo & Stitch . Línguas e Instrumentos Linguísticos, Campinas, SP, v. 23, n. 46, p. 180–199, 2020. DOI: 10.20396/lil.v23i46.8661634. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/lil/article/view/8661634. Acesso em: 22 jun. 2024.

Resumo

Este trabalho tem por objetivo compreender as representações imaginárias sobre ciência e cientista que atravessam dois desenhos infantis estrangeiros que circulam na TV brasileira: Pokemon e Lilo & Stitch. Para isso, apoiamo-nos no aparato teórico-metodológico da Análise de Discurso de linha francesa e brasileira, mobilizando noções como texto, discurso, imaginário e formação discursiva. Partimos do pressuposto de que os desenhos animados, longe de serem objetos inocentes e transparentes, trazem em seu bojo regiões de interpretação a partir das quais irrompem diferentes discursividades, reforçando muitas vezes sentidos cristalizados sobre relações sociais, ciência e cientista.

https://doi.org/10.20396/lil.v23i46.8661634
PDF

Referências

CORACINI, M. J. R. F. O olhar da ciência e a construção da identidade do professor de língua. In: CORACINI, Maria José Rodrigues Faria; BERTOLDO, Ernesto Sérgio (Orgs.). O desejo da teoria e a contingência da prática. Discursos sobre-na sala de aula de língua materna e língua estrangeira. Campinas, SP: Mercados de Letras, p. 193-210, 2003.

HENRY, P. Sens, sujet, origine. In: DRLAV, Paris, 1981.

LAGAZZI, S. O recorte significante na memória. In: INDURSKY, F.; FERREIRA, M. C.; MITTMANN, S. (Orgs.). O discurso na contemporaneidade: materialidades e fronteiras. São Carlos: Claraluz, 2009, p. 67-78.

MOSTERÍN, J. Prólogo al libro de Estany A. Modelos de cambio científico. Barcelona: Editorial Crítica, 1990.

ORLANDI, E. P. Análise de Discurso – Princípios & Procedimentos. Campinas, SP: Pontes, 1999.

ORLANDI, E. P. Identidade linguística escolar. In: SIGNORINI, Inês (Org.). Língua(gem) e identidade. Campinas, SP: Mercado de Letras, 1998.

ORLANDI, E. P. Discurso e texto: formulação e circulação dos sentidos. Campinas, SP: Pontes, 2001.

ORLANDI, E. Recortar ou segmentar? In: Linguística: Questões e Controvérsias. Série Estudos. Uberaba: Faculdades Integradas de Uberaba, 1984. p. 09-26.

ORLANDI, E. P. A linguagem e seu funcionamento: as formas do discurso. 4. ed., 2. reimpressão. Campinas, SP: Pontes, 1983 [2001].

PECHEUX, M. O discurso: estrutura ou acontecimento. 2. ed. Trad. Eni Puccinelli Orlandi. Campinas, SP: Editora Pontes, 1983 [1990].

PEREZ, G. et al. Para uma imagem não deformada do trabalho científico. In: Ciência e Educação, v.7, n.2, p. 125-153, 2001.

SIQUEIRA, D. C. O. O cientista na animação televisiva: discurso, poder e representações sociais. Revista Em Questão, Porto Alegre, v. 12, n. 1, p. 131-148, jan./jun. 2006.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 Línguas e Instrumentos Línguísticos

Downloads

Não há dados estatísticos.