As dinâmicas coletivas de criação em teatro e os diferentes sentidos de dramaturgia

Adélia Nicolete

Resumo


Analisadas a criação coletiva e o processo colaborativo, verifica-se que, dentre as características das encenações resultantes, encontram-se configurações formais que escapam à estrutura dramática convencional e seu funcionamento orgânico. Pretende-se, com este artigo, refletir sobre alguns sentidos abarcados pelo termo dramaturgia no teatro contemporâneo a fim de fundamentar a busca pelas novas formas do texto verbal e da cena criadas em dinâmicas coletivas. 


Palavras-chave


Dramaturgia. Teatro. Processo colaborativo. Rapsódia. Dramaturgismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, Luís Alberto de. Processo colaborativo: relato e reflexões sobre uma experiência de criação. Cadernos da ELT, Santo André, v.1, n.0, p. 33-41, mar. 2003.

BAKHTIN, Mikhail. Problemas da poética de Dostoiévski. 2. ed. Tradução de Paulo Bezerra. Rio de Janeiro : Forense Universitária, 1997.

BARBA, Eugenio. Dramaturgia. In: BARBA, Eugenio, SAVARESE, Nicola. A arte secreta do ator: dicionário de antropologia teatral. Tradução de L. O. Burnier et al. São Paulo-Campinas: Hucitec – Unicamp, 1995. p. 68-73.

DANAN, Joseph. Qu'est-ce que la dramaturgie? Arles: Actes Sud-Papiers, 2010.

DORT, Bernard. La représentation émancipée : essais. Arles: Actes-sud, 1988.

FERNANDES, Sílvia. Memória e invenção: Gerald Thomas em cena. São Paulo: Perspectiva : FAPESP, 1996. P. 271.

NICOLETE, Adélia. Ateliês de dramaturgia: práticas de escrita a partir da integração artes visuais-texto-cena. 2013. Tese (Doutorado em Artes) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo.

NICOLETE, Adélia. Da cena ao texto : dramaturgia em processo colaborativo. 2005. Dissertação (Mestrado) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27139/tde-28092009-092332/pt-br.php

SARRAZAC, Jean-Pierre. O futuro do drama. Tradução de de A. M. Da Silva. Porto, Portugal: Campo das Letras, 2002.

SILVA, Antônio Carlos de Araújo. A gênese da vertigem: o processo de criação de O Paraíso Perdido. São Paulo: Perspectiva, 2011.




DOI: https://doi.org/10.20396/pita.v5i2.8647189

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Pitágoras 500

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Pitágoras 500, Campinas, SP - ISSN 2237-387X.