Como os nativos americanos teriam utilizado seus espelhos?

Autores

  • José Joaquín Lunazzi Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rap.v9i3.8641296

Palavras-chave:

Espelhos arqueológicos. Olmecas. Culturas precolombinas. Objetos cerimoniais. Tecnologia primitiva

Resumo

Dois mil anos antes da chegada dos europeus, civilizações americanas contavam com espelhos capazes de fornecer boa qualidade de imagem. Notadamente, a Olmeca em Centroamérica, mas também a Cupisnique na América do Sul. Essa tecnologia óptica pode ter influenciado nos Maias e até nos Aztecas, embora saibamos que sua aplicação e difusão aparece como muito restrita. Porém ligada a relações de poder e representada em divindades. Por achados, pode-se ter uma ideia da técnica de sua realização mas, fora a presença junto aos esqueletos nas tumbas e a representação em murais e esculturas, não se tem mais elementos como para conhecer a maneira como teriam sido utilizados. Tentamos cobrir essa carência aplicando todas as relações lúdicas e de experimentação que podemos imaginar. Este estudo pode servir como orientação para ajudar a relacionar os espelhos com sua cultura. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Joaquín Lunazzi, Universidade Estadual de Campinas

Possui mestrado em fisica pela Universidad Nacional de La Plata (1970) e doutorado em Física - Universidad Nacional de La Plata (1975). Pós-doutorado na Université Pierre et M. Curie, Paris VI, França. Atualmente é professor adjunto MS-5 da Universidade Estadual de Campinas, onde entrou como Prof.Assist.Dr. MS-3 em 1975.

Referências

CARLSON, John B,"Olmec Concave Iron Ore Mirrors: The Aesthetic of a Lithic Technology and the Lord of the Mirror", Dumbarton Oaks Conference on the Olmecs, Dumbarton Oaks, The University of Maryland, Washington, 117-147, na Fig. 35, “Tablet of the Foliated Cross”, 1981.

DE LA VEGA, Garcilaso, “Comentarios Reales de los Incas”, Libro Sexto, capítulo XXII , Pedro Crasbeeck, Lisboa, 1609. Pode-se obter, por exemplo em: http://shemer.mslib.huji.ac.il/lib/W/ebooks/001531300.pdf

HEALY, Paul F., Blainey, Marc G., “Ancient Maya Mosaic Mirrors: Function, Symbolism and Meaning”, Ancient Mesoamerica, Cambridge University Press n. 22, p. 229–244, 2011. doi:10.1017/S0956536111000241

LUNAZZI , José Joaquín. “Haciendo fuego con espejo que simula un espejo arqueológico (olmeca)” Vídeo em: https://www.youtube.com/watch?v=KsRRFw1bGZk 1995.

LUNAZZI , José Joaquín. “La Nube: A maneira mais emocionante de experimentar espelhos planos”, Caderno Catarinense de Ensino de Física, V26, N2, p.416-425, 2009. https://periodicos.ufsc.br/index.php/fisica/article/view/11357/10891

Video em https://www.youtube.com/watch?v=NXmNs6IX2Hg>

LUNAZZI , José Joaquín. “Projeto Comunicacoes Ópticas Pelo Sol Simulando Espelhos Arqueológicos

Vídeo (quatrilingue) https://www.youtube.com/watch?v=YMlPEkV0tOs 2012.

LUNAZZI , José Joaquín. “Óptica arqueológica como reforço da identidade americana e exemplo de desinformação”, I Semana de Arqueologia da UNICAMP, Universidade Estadual de Campinas, São Paulo (Brasil), 2013. Disponível em: http://www.nepam.unicamp.br/arqueologiapublica/revista/anais/arqueologia-e-tematica-indigena/PDFs/arquivo4.pdf

Errata: na primeira línea da página 3, onde diz: “Chegando na sala onde tinha mais espelhos conferi que eram convexos” por vez de convexos deveria dizer côncavos.

LUNAZZI , José Joaquín. Capítulo 7 “On Brightness and Quality of Archaeological Mirrors found in the New World”, no livro “Manufactured Light-Mirrors in the Mesoamerican Realm”, Emiliano Gallaga, Marc G. Blainey eds., Colorado Press Dezembro 2015. Hardcover ISBN: 978-1-60732-407-2 Brochura disponível em: http://www.upcolorado.com/university-press-of-colorado/item/2784-manufactured-light

MELGAR, Emiliano; GALLAGA, Emiliano; SOLIS, Reyna, La pirita y su manufactura: análisis de cuatro contextos mesoamericanos. Estud. cult. maya, México , v. 43, 2014 . Disponível em http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0185-25742014000100002&lng=es&nrm=iso. accedido en 29 jun. 2015.

MEXICOLORE

Página sobre simpósio acontecido na Inglaterra sobre o deus Tezcatlipoca, disponível em: http://www.mexicolore.co.uk/aztecs/home/tezcatlipoca-symposium

SCHELE, Linda (1975) desenho de murais do Templo da Cruz Foliada. Disponível em: http://www.ancientamericas.org/collection/aa010859

TAUBE, Karl A., “The Iconography of Mirrors at Teotihuacan” in “Art, Ideology and the City of Teotihuacan” , J.C. Berlo ed., 169-204, Dumbarton Oaks Research Library and Collection, Washington. Fig. 22, 1993.

Downloads

Publicado

2015-10-23

Como Citar

LUNAZZI, J. J. Como os nativos americanos teriam utilizado seus espelhos?. Revista Arqueologia Pública, Campinas, SP, v. 9, n. 3[13], p. 134–146, 2015. DOI: 10.20396/rap.v9i3.8641296. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rap/article/view/8641296. Acesso em: 7 dez. 2021.