Arqueologia experimental guarani na formação de professores(as) em ciências humanas: uma experiência na cidade missioneira de São Borja

  • Viviane Pouey Vidal Universidad Nacional del Centro da Provincia de Buenos Aires
Palavras-chave: Arqueologia experimental. Cerâmica Guarani. Formação de professores.

Resumo

o presente artigo aborda as atividades de ensino-aprendizagem da História Indígena Guarani realizadas com os Professores(as) em Formação em Ciências Humanas na UNIPAMPA, Campus São Borja a partir da Arqueologia Experimental. O objetivo central das atividades realizadas foi colaborar com a formação inicial dos professores(as), que irão atuar na educação básica, bem como difundir a importância da  arqueologia nos espaços escolares. Nessa perspectiva,  aliou-se a teoria das componentes curriculares: Metodologia para o Ensino em Ciências Humanas; Educação e Identidade na Fronteira Oeste; Educação e Patrimônio  com as práticas de ensino e confecção de réplicas da cerâmica Guarani. As oficinas  interdisciplinares possibilitaram aos licenciandos(as) um maior contato com a história indígena, sua arte e cultura, bem como permitiram a criação de espaços pedagógicos para a produção de recursos didáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viviane Pouey Vidal, Universidad Nacional del Centro da Provincia de Buenos Aires
Doutora em Arqueologia pela UNICEN -Universidad Nacional del Centro da Provincia de Buenos Aires, Olavarría (2018). Licenciada em História pela PUC/Uruguaiana com pesquisa de TCC em Arqueologia Pré-colonial (2006).

Referências

BROCHADO, José Proenza. Cerâmica Guarani. Ed. Posenato Arte e Cultura. Porto Alegre, 1989.

DEMO, Pedro. Educar pela pesquisa. Campinas: Autores Associados, 1996.

FONSECA. Maria Cecília Londres. O patrimônio em processo: trajetória da política federal de preservação no Brasil. Rio de Janeiro: UFRJ/IPHAN, 1997.

FORTES DA SILVA Vladmir. Educação Patrimonial Indígena nas Escolas: Um Resgate da Cultura Guarani na Cidade de São Borja/Rio Grande do Sul. TCC - Trabalho de Conclusão do Curso em Ciências Humanas, 2017. (Inédito).

FUNARI, Pedro Paulo. Arqueologia. São Paulo: Contexto, 2010, 125p.

FUNARI, Pedro Paulo. Patrimônio histórico e cultural. Rio de Janeiro: Zahar, 2006.

HORTA, M.L.P. Fundamentos da Educação Patrimonial. In.: SALES, F.L. A Educação Patrimonial e o Turismo: O caso da Aula no Museu do Museu Municipal de Caxias do Sul/ RS. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Turismo). Universidade Caxias do Sul, Caxias do Sul, 2006

HORTA, Maria de Lourdes; GRUNBERG, Evelina; MONTEIRO, Adriane Queiroz. Guia Básico de Educação Patrimonial. Brasília: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Museu Imperial, 1999.

IPHAN. Educação Patrimonial: histórico, conceitos e processos. Brasília: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, 2014. Disponível em: http://www.iphan.gov.br/baixaFcdAnexo.do?id=4240 Acesso em: 10/11 de 2017.

KERN, Arno. A. Antecedentes Indígenas. Porto Alegre: Editora da Universidade Federal Rio Grande do Sul, 1992.

MONTOYA, Pe. Antonio Ruiz de. 1985. Conquista Espiritual. Martins Livreiro. Porto Alegre.

POLITIS, GUSTAVO. Arqueologia e patrimônio não são apenas sobre o passado, Resenha. Revista Vitrivius, 2004.

RODRIGUES, Marly. Patrimônio, idéia que nem sempre é pratica. DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO DO DISTRITO FEDERAL. A Construção da cidade de Brasília. Brasília, 1998, p. 88.

SALOMÃO DE FREITAS, Diana Paula; MARTINS, LIMA Claudete; MELLO, Elena Mª Billig. Políticas públicas na educação brasileira: a formação inicial e continuada de docentes e gestores / Organizadoras Graciele Glap, Lucimara Glap. – Curitiba (PR): Atena Editora, 2017. 295 p.

SCHIMITZ, P. I. Migrantes da Amazônia: a Tradição Tupiguarani. In: Pré- História do Rio Grande do Sul. Arqueologia do Rio Grande do Sul, Brasil. Documentos 05. São Leopoldo, Instituto Anchietano de Pesquisas/Unisinos, 2006.

SOARES, A . CEREZER, J. PERIUS, E, AREND, J. Buscando a Socialização do Conhecimento Através da Arqueologia Experimental. Trabalho apresentado do II Congresso de Arqueologia de La Cuenca de La Plata, San José de Mayo, Uruguai, 2015.

SOARES, A. L. R. Guarani: Organização Social e Arqueologia. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1997.

TOMAZ, Paulo Cesar . A Preservação do Patrimônio Cultural e sua Trajetória no Brasil. Fenix Revista de História e Estudos Culturais, 2010.

VIDAL, Pouey Viviane. La Ocupación Cazadora - Recolectora Durante la Transición Pleistoceno - Holoceno en el Oeste de Rio Grande do Sul-Brasil: Geoarqueologia de los Sítios en la Formación Sedimentária Touro Passo. Tese de Doutorado em Arqueologia na UNICEN, Buenos Aires, 2018 (Inédita).

VIDAL, Pouey Viviane. Arqueologia de Resgate e Seu Papel Social: A Educação Patrimonial como “Alfabetização Cultural. 2010. Disponível em http://www.historiaehistoria.com.br/materia.cfm?tb=arqueologia&id=38 Acesso em 05/11/2017.

VIEIRA, Leocilea Aparecida; FRANCA, D. M. R. V. ; FARIAS, E. R. S. ; JABUR, S. S. ; CLARO, G. R. . Educar e aprender pela pesquisa: uma opção metodológica à construção dos saberes. In: Conferência Internacional Saberes para uma Cidadania Planetária, 2016, Fortaleza. Anais.... Fortaleza: a Universidade Católica de Brasília ? UCB e pela Universidade Estadual do Ceará ? UECE, 2016.

Publicado
2018-07-31
Como Citar
Pouey Vidal, V. (2018). Arqueologia experimental guarani na formação de professores(as) em ciências humanas: uma experiência na cidade missioneira de São Borja. Revista Arqueologia Pública, 12(1), 14-29. https://doi.org/10.20396/rap.v12i1.8652657