Banner Portal
Arqueologia urbana em Belém do Pará
PDF

Palavras-chave

Arqueologia urbana
Belém do Pará
História da Amazônia
Vestígios e edifícios
Patrimônio material

Como Citar

COSTA, Diogo Menezes. Arqueologia urbana em Belém do Pará: o estudo de um antroma terrestre entre águas amazônicas. Revista Arqueologia Pública, Campinas, SP, v. 18, n. 00, p. e023003, 2023. DOI: 10.20396/rap.v18i00.8672929. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rap/article/view/8672929. Acesso em: 23 jul. 2024.

Resumo

A arqueologia urbana em Belém é um estudo que busca compreender a história da cidade através de vestígios arqueológicos encontrados em seu território. O texto faz uma análise do Engenho do Murutucu, Casarão da Ladeira do Castelo, Convento e Igreja de Nossa Senhora das Mercês e Cemitério de Nossa Senhora da Soledade enquanto constituintes da cidade. O estudo arqueológico da cidade permite a reconstrução de sua história a partir das camadas que se acumularam ao longo do tempo, desde as estruturas coloniais até as construções mais modernas. As pesquisas arqueológicas em Belém têm revelado uma rica variedade de vestígios materiais, incluindo cerâmicas, objetos de metal, restos de alimentos e resíduos orgânicos, que ajudam a compreender a vida cotidiana da cidade ao longo dos séculos. O estudo da arqueologia urbana em Belém contribui para a preservação do patrimônio histórico e cultural da cidade, bem como para o desenvolvimento de políticas públicas que levem em conta sua história e sua diversidade cultural.

https://doi.org/10.20396/rap.v18i00.8672929
PDF

Referências

ARAÚJO COSTA, L.D. de. Arqueologia e etnicidade: o estudo de cachimbos de barro na

Amazônia Colonial (séc. XVIII e XIX). 2018. Dissertação (Mestrado em Arqueologia), Universidade Federal do Pará, Belém, 2018.

BARRENO, E. F. A. Bois, peixes e outros bichos? La vida cotidiana, la alimentación y la carne. Una aproximación a la agencia en la alimentación y al consumo de carne en una casa de” elite” durante el siglo xviii en la ciudad de Belém-PA. Un análisis zooarqueológico. 2021. Dissertação (Mestrado em Arqueologia), Universidade Federal do Pará, Belém, 2021.

BELTRÃO, J. F. Cólera e Gentes de Cores ou o Acesso aos Socorros Públicos no Século XIX. PHYSIS: Rev. Saúde Coletiva, v. 14, n. 2, p. 257–282, 2004.

CAVALCANTE, D. A. O consumo de bebidas alcoólicas no engenho do Murutucu (Belém-pará- Brasil). Fragmentos del Pasado-do Passado, n. 4, p. 11–32, 2017.

COSTA, D. M. Estudos Mortuários em Arqueologia Pré-Histórica e Histórica: de espelho etnográfico à máscara social. Habitus, v. 10, n. 1, p. 105–114, 2012.

COSTA, D. M. Archaeology of the African Slaves in the Amazon. Journal of African Diaspora Archaeology and Heritage, v. 5, p. 198–221, 2016a.

COSTA, D. M. Arqueologia dos Africanos Escravos e Livres na Amazônia. Vestígios - Revista Latino-Americana de Arqueologia Histórica, v. 10, p. 69–91, 2016b.

COSTA, D. M. Historical Archaeology in the Amazon: the Murutucu Sugar Cane Mill Field School Project. International Journal of Historical Archaeology, v. 21, n. 3, p. 674–689, 2017a.

COSTA, D. M. Projeto de Arqueologia Histórica no Albergue da UFPA. Belém: UFPA, 2017b.

COSTA, D. M. Relatório Parcial: Arqueologia Histórica no Albergue da UFPA. Belém: UFPA, 2017c.

COSTA, D. M. Ecoarqueologia Histórica na Amazônia. Desenvolvimento e Meio ambiente, v. 52, 2019.

COSTA, D. M. Projeto de Levantamento E Prospecção Arqueológica Na Igreja E Convento Dos Mercedários, Belém/PA. UFPA, 2020a.

COSTA, D. M. Histórias do Engenho do Murutucu: um Patrimônio Arruinado na Amazônia Brasileira. O Ideário Patrimônial, v. 14, p. 132–161, 2020b.

COSTA, D. M. Arqueologia no Engenho do Murutucu: um Sítio Histórico na Amazônia Brasileira. Antrope, v. 12, p. 30–58, 2020c.

COSTA, D. M. Ecoarqueologia dos Não-Humanos no Engenho do Murutucu: Um Ensaio Sobre a Fauna e Flora da Amazônia Colonial. Revista Habitus - Revista do Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia, v. 19, n. 1, p. 6–21, 2021a.

COSTA, D. M. Relatório do Monitoramento Arqueológico no Projeto Executivo de Restauração e Reabilitação da Igreja e Convento de Nossa Senhora das Mercês – 2020 a 2021. Belém: UFPA, 2021b.

COSTA, D. M. Ecoarqueologia das mudanças climáticas: da resiliência pré-histórica à sustentabilidade contemporânea. Revista de Arqueologia, v. 36, n. 2, p. 274–298, 2023.

COSTA, D. M.; GLÓRIA, P. J. T. DA. Relatório Técnico de Atividades da Arqueologia. Belém: UFPA, 2023.

GUIMARÃES, A. M. A. Arqueologia histórica e as dinâmicas sociais da Amazônia: a cerâmica do sítio albergue da UFPA. Trabalho de Conclusão de Curso em Ciências Sociais. Belém: UFPA, 2019.

JUNIOR, E. DOS S. Objetos sobre Vidro Lascado em Contexto de Senzala na Amazônia Oriental Brasileira: uma proposta metodológica de macro e microanálise. Dissertação (Mestrado em Arqueologia). Belém: UFPA, 2017.

LACORE. Projeto de Restauração de Bens da Arquitetura Mortuária do Cemitério de Nossa Senhora da Soledade. UFPA, 2022.

LIMA, T. A. No asfalto: Arqueologia Histórica Urbana no Brasil, Em: Symanski, L.C. P. e Torres de Souza, M. A. Arqueologia Histórica Brasileira, Belo Horizonte: UFMG, 2022.

MARTINS, I. F. DE O. Arqueologia e Etnicidade na Amazônia Oriental: O caso do engenho Murutucu em Belém do Pará. 2015. Dissertação (Mestrado em Arqueologia). Universidade Federal do Pará, Belém, 2015.

MCGREGOR, A.; COWDY, M. Biourbanism | cities as nature: A resilience model for Anthromes. Science Talks, v. 7, p. 100238, 2023.

[PDF] Pistas e Provas da Escravidão Negra no Pará: Estudo de Caso das Ruínas do Murutucu by Luciene Barbosa Teixeira Lbt, Helena do Socorro Campos da Rocha, Paula Renata de Jesus Monteiro · 2232984092 · OA.mg. [s.d.].

RODRIGUES, Paula Andréa Caluff. Duas faces da morte: o corpo e a alma do Cemitério Nossa Senhora da Soledade, em Belém/PA. / Trabalho de Conclusão de Curso (Mestrado em Patrimônio Cultural) — IPHAN, Rio de Janeiro, 2014.

SANTOS, S. F.; COSTA, D. M. Um Sítio Arqueológico, Vários Museus: O Caso do Engenho do Murutucu, Belém/PA. Museologia & Interdisciplinaridade, v. 6, n. 12, 2017.

SILVA, É. A. DA. O cotidiano da morte e a secularização dos cemitérios em belém na segunda metade do século XIX (1850/1891). 2005. Dissertação (Mestrado em História). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.

SILVA, P. A. B. V. DA. Deterioração das pedras da arquitetura mortuária do cemitério Nossa Senhora da Soledade. 2014. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo). Instituto de Tecnologia, Universidade Federal do Pará, Belém, 2014.

SILVEIRA, F. L. A. DA; ROCHA, M. C. M. G. DA. O bairro Batista Campos e as dinâmicas do tempo na cidade de Belém, Brasil: memórias e paisagens arruinadas. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas, v. 8, n. 1, p. 169–182, 2013.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Revista Arqueologia Pública

Downloads

Não há dados estatísticos.