Banner Portal
Dinâmicas de ocupação da região do Rio Ituqui/Paranã do Maicá, Santarém/PA
PDF

Palavras-chave

Santarém
Várzea
Ocupações arqueológicas e históricas

Como Citar

PY-DANIEL, A. R.; O´DYWER, E. C.; MORAES, C. de P.; MOREIRA, C. dos S.; PINTO, R. dos S.; PINTO, E. dos S. Dinâmicas de ocupação da região do Rio Ituqui/Paranã do Maicá, Santarém/PA: 8000 anos até o presente. Revista Arqueologia Pública, Campinas, SP, v. 18, n. 00, p. e023007, 2023. DOI: 10.20396/rap.v18i00.8673267. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rap/article/view/8673267. Acesso em: 20 fev. 2024.

Resumo

A partir de um estudo em andamento na região do Rio Ituqui e o Paranã do Maicá, município de Santarém/PA, queremos refletir sobre as distintas evidências de ocupações encontradas, remetendo a 8000 anos de ocupação. Ademais, vemos as ocupações quilombolas atuais como peças chaves para repensar alguns conceitos pré-estabelecidos: comunidade versus território; referências históricas; a dinâmica da várzea, etc. Propõe-se que a cronologia tradicionalmente empregada para a arqueologia Amazônica seja revista, para incluir as histórias dos quilombos. Foram utilizados tanto dados arqueológicos quanto referências históricas e levantamentos orais para aquisição dos dados.

https://doi.org/10.20396/rap.v18i00.8673267
PDF

Referências

ALMEIDA, Fabio Guaraldo. Terra de Quilombo: arqueologia da resistência e etnoarqueologia

no território Mandira, município de Cananéia/SP. 2012. Tese de Doutorado. Universidade de

São Paulo.

BALÉE, William L. Advances in historical ecology. Columbia University Press, 2002.

BAIOCCHI, Mari de Nasaré. Kalunga-a sagrada terra. 1996. Disponível em

https://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14107. Acesso em: 04/08/2023.

BETTY, Meggers. Amazonia: Man and Culture in a Counterfeit Paradise. Smithsonian

Institution Scholarly Press, Chicago, 1971.

CARVALHO, Patrícia Marinho. Visibilidade do negro: arqueologia do abandono na comunidade

quilombola do Boqueirão-Vila Bela/MT. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo, São

Paulo, 2018.

DENEVAN, William M. A bluff model of riverine settlement in prehistoric Amazonia. Annals of the

association of American geographers, v. 86, n. 4, p. 654-681, 1996.

EDGEWORTH, Matt. More than just a record: Active ecological effects of archaeological strata.

In: Ed. Souza, Marcos; Costa, Diogo, Historical Archaeology and Environment. Springer, Cham,

p. 19-40

FARIAS JÚNIOR, Emmanuel de Almeida. Quilombolas no Amazonas: do Rio dos Pretos ao

Quilombo do Tambor. In. Sampaio, Patrícia (Organizadora). O fim do silencio: presença negra na

Amazônia. Belém: Editora Açaí, p. 155-161, 2011.

FUNARI, Pedro Paulo A. Heterogeneidade e conflito na interpretação do Quilombo dos

Palmares. Revista de História Regional, v. 6, n. 1, 2001.

FUNES, Eurípedes Antônio. Nasci nas matas, nunca tive senhor–História e memória dos

mocambos do Baixo Amazonas. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em História,

Universidade de São Paulo, São Paulo. 1995.

HARADA, Henry Pereira. A casa-grande da fazenda Taperinha. Taperinha: histórico das

pesquisas de história natural realizadas em uma fazenda da região de Santarém, no Pará,

nos séculos XIX e XX. Belém: Museu Paraense Emílio Goeldi, 2011.

HARRIS, Mark. Sistemas regionais, relações interétnicas e movimentos territoriais–os Tapajó e

além na história ameríndia. Revista de Antropologia, v. 58, n. 1, p. 33-68, 2015.

HARTT, Charles Frederik. Contribuições para a ethnologia do Valle do Amazonas.

Archivos do Museu Nacional do Rio de Janeiro. Vol. VI, Rio de Janeiro: Typ. e Lith.

Economica, de Machado & C, 1885.

LATHRAP, Donald W. The upper amazon. Southampton: Thames & Hudson, 1970.

LIMA, Aldo Luciano Corrêa de. Terra de Negro–Preta Terra: O Uso Da Terra Preta Como

Instrumento de Fortalecimento da Identidade Quilombola No Município De Santarém. Amazônica: Revista de Antropologia, v. 5, n. 1, p. 196-200, 2013.

MAGALHÃES, Marcos Pereira. The long indigenous history in the eastern amazon (Pará, Brazil). Journal of Historical Archaeology & Anthropological Sciences, n. 5, p. 197-199, 2019.

MORAES, Claide de Paula. O determinismo agrícola na arqueologia amazônica. Estudos

avançados, v. 29, n. 83, p. 25-43, 2015.

NEVES, Eduardo. Sob os tempos do equinócio: oito mil anos de história na Amazônia Central

(6.500 AC—1.500 DC). São Paulo, Brazil: Universidade de São Paulo, 2012.

NUNES, Patrícia Portela; O´DWYER, Eliane Cantarino. Relatório Antropológico de Identificação

Remanescentes de Quilombo do Arapemã Residentes no Maicá. Relatório Entregue ao INCRA.

O´DWYER, Eliane Cantarino. Terras de quilombo no Brasil: direitos territoriais em construção. In:

Edileuza Penha de Souza; Georgina Helena Lima Nunes; Willivane Ferreira de Melo. (Org.).

Memória, Territorialidade e Experiências de Educação Escolar Quilombola no Brasil. 1 ed.

Pelotas: UFPel, 2016, v. 1, p. 45-54.

O’DWYER, Eliane Cantarino; SILVA, Katiane. Anthropological practices, inter-group conflicts and

shared colonial experiences in a regional context of the Lower Amazon. Vibrant: Virtual Brazilian

Anthropology, v. 17, 2020.

PAPAVERO, Nelson; OVERAL, William L. Taperinha: histórico das pesquisas de história

natural realizadas em uma fazenda da região de Santarém, no Pará, nos séculos XIX e XX.

Museu Paraense Emílio Goeldi, 2011.

PAXIUBA, Carla; FREITAS, Isadora; PORTELA, Juliana; ARANTES, Luana; XIMENES, Lucas;

PINHEIRO, Lucineide; SOUSA, Sara. Análise Crítica do Relatório de Impacto Ambiental –RIMA

Rev. Arqueol. Públ. Campinas, SP v.18 e023007 2023 ISSN 2237-8294

REVISTA ARQUEOLOGIA PÚBLICA

do Porto do Maicá. Artigo apresentado no Programa de Pós-Graduação em Sociedade,

Desenvolvimento e Natureza, Universidade Federal do Oeste do Pará, Santarém, 2017.

RAPP PY-DANIEL, Anne; MORAES, Claide de P. Lifetimes of human occupations in Amazonia:

rethinking the human presence and landscape transformations. CIRAS discussion paper No. 90:

Lifetime of Urban, Regional and Natural Systems: examining examples from Brazil and Japan,

v. 90, p. 39-48, 2019.

RODRIGUES, João Barbosa. O muyrakyta: estudo da origem, asiática, da civilização do

amazonas nos tempos pré-históricos. Typ. do Amazonas, 1889.

ROOSEVELT, Anna C., HOUSLEY, R. A., DA SILVEIRA, M. I., MARANCA, S., &

JOHNSON, R. Eighth millennium pottery from a prehistoric shell midden in the Brazilian

Amazon. Science, v. 254, n. 5038, p. 1621-1624, 1991.

SAMPAIO, Patrícia Maria Melo (Ed.). O fim do silêncio: presença negra na Amazônia. Editora

AÇAÍ/CNPq, 2011.

SHOCK, Myrtle Pearl; MORAES, Claide de P. A floresta é o domus: a importância das

evidências arqueobotânicas e arqueológicas das ocupações humanas amazônicas na

transição Pleistoceno/Holoceno. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas,

v. 14, n. 2, p. 263-289, 2019.

SOUZA, Marcos André Torres de; COSTA, Diogo Menezes (Ed.). Historical Archaeology and

Environment. Springer International Publishing, 2018.

SOUZA, Edileuza P.; NUNES, Georgina Helena Lima; MELO, Willivane F. Quilombo, Memória e

Território, reflexões sobre a educação escolar. In: SOUZA, Edileuza Penha, NUNES, Georgina

Helena Lima, MELO, Willivane Ferreira. (Org.). Memória, Territorialidade e Experiências de

Educação Escolar Quilombola. 1ed. Pelotas: Editora UFPEL, p. 7-238, 2016.

SYMANSKI, Luís Cláudio P. A arqueologia da diáspora africana nos Estados Unidos e no Brasil:

problemáticas e modelos. Afro-Ásia, n. 49, p. 159-198, 2014.

SYMANSKI, Luís Claudio Pereira; GOMES, Denise Maria Cavalcante. Mundos mesclados, espaços

segregados: cultura material, mestiçagem e segmentação no sítio Aldeia em Santarém (PA). Anais

do Museu Paulista: História e Cultura Material, v. 20, n. 2, p. 053-090, 2012.

TAVARES, Paulo. Memoria da Terra: Mapeamento e análise do processo de

despossessão e remoção do povo Xavante Marãiwatsédé. Ed. Autonoma. Brasília,

TROUFFLARD, Joanna. Cerâmicas da cultura Santarém, Baixo Tapajós. Cerâmicas

Arqueológicas da Amazônia: rumo a uma nova síntese. Belém: IPHAN, p. 237-252,

URUSHIMA, Andrea, F.; DE JONG, Wil. Rethinking systems: enlarged temporal and spatial scale of

socio-natural interactions. CIRAS discussion paper No. 90: Lifetime of Urban, Regional and

Natural Systems: examining examples from Brazil and Japan, v. 90, p. 9-11, 2019.

WATLING, Jennifer et al. Direct archaeological evidence for Southwestern Amazonia as an early

plant domestication and food production centre. Plos One, v. 13, n. 7, p. e0199868, 2018

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Revista Arqueologia Pública

Downloads

Não há dados estatísticos.