A indústria brasileira e as cadeias globais de valor

uma análise com base nas indústrias aeronáutica, de eletrônicos e de dispositivos médicos

Autores

  • Marília Bassetti Marcato Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rbi.v15i2.8649136

Palavras-chave:

Resenha

Resumo

A indústria brasileira e as cadeias globais de valor: uma análise com base nas indústrias aeronáutica, de eletrônicos e de dispositivos médicos, de autoria de Timothy Sturgeon, Gary Gereffi, Andrew Guinn e Ezequiel Zylberberg, é o produto de uma pesquisa encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), motivada pela reconfiguração da produção e comércio globais. A pesquisa tem como principal objetivo avaliar a integração do Brasil às cadeias globais de valor (CGV), bem como o papel desempenhado pelas instituições e as possibilidades no campo da política industrial. Tendo como base três estudos de caso – as indústrias aeroespacial, de dispositivos médicos e de eletrônicos –, o livro contribui com recomendações de políticas, estimulando o debate a respeito do papel das políticas industriais para promover setores-chave ao crescimento econômico. O principal argumento dos autores é de que o Brasil deve aumentar sua participação em CGV em áreas de especialização orientadas para exportação, considerando segmentos de alto valor agregado nos quais pode ser mundialmente competitivo. Para tanto, a política industrial cumpre papel fundamental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marília Bassetti Marcato, Universidade Estadual de Campinas

Doutorado em andamento em Economia pela Universidade Estadual de Campinas.

Referências

STURGEON, Timothy; GEREFFI, Gary; GUINN, Andrew e ZYLBERBERG, Ezequiel. A indústria brasileira e as cadeias globais de valor: uma análise com base nas indústrias aeronáutica, de dispositivos médicos e de eletrônicos. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014, 264 p.

Downloads

Publicado

2016-08-28

Como Citar

MARCATO, M. B. A indústria brasileira e as cadeias globais de valor: uma análise com base nas indústrias aeronáutica, de eletrônicos e de dispositivos médicos. Revista Brasileira de Inovação, Campinas, SP, v. 15, n. 2, p. 397–399, 2016. DOI: 10.20396/rbi.v15i2.8649136. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rbi/article/view/8649136. Acesso em: 29 jan. 2023.

Edição

Seção

Resenha

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)