Fendas em família: violênciae lirismo na prosa de Vilma Arêas

Autores

  • Paola Zamboni Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/remate.v26i2.8636031

Palavras-chave:

Teoria Literária. Crítica literária. Vilma Arêas.

Resumo

-

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paola Zamboni, Universidade Estadual de Campinas

Universidade Estadual de Campinas

Referências

BOSI, Alfredo (org.). O Conto Brasileiro Contemporâneo. São Paulo: Cultrix Editora da Universidade de São Paulo, 1975, p.7-22 3 Idem, p.22.

CORTÁZAR, Julio. “Do Conto Breve e Seus Arredores” in Valise de Cronópio. São Paulo: Editora Perspectiva, 1974, p. 229.

WATT, Ian. A Ascensão do Romance. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. AUERBACH, Erich. “A meia marrom” in Mimesis. São Paulo: Perspectiva, 1971. BOSI, Alfredo (org.). Op. cit.

CORTÁZAR, Julio. “Alguns Aspectos do Conto” in Valise de Cronópio. São Paulo: Perspectiva, 1974, p. 151.

ROSENBAUM, Yudith. Ficções nº 6. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2000, pp. 127132.

GOTTLIB, Nadia. Teoria do Conto. São Paulo: Ática, 1985, p. 35.

Downloads

Publicado

2012-11-12

Como Citar

ZAMBONI, P. Fendas em família: violênciae lirismo na prosa de Vilma Arêas. Remate de Males, Campinas, SP, v. 26, n. 2, p. 205–212, 2012. DOI: 10.20396/remate.v26i2.8636031. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8636031. Acesso em: 3 dez. 2022.