Banner Portal
A pátria dos outros: A “poesia menor” de Murilo Mendes
PDF

Palavras-chave

Exílio. Heteretopia. Comunidade intelectual.

Como Citar

FINAZZI-AGRÒ, Ettore. A pátria dos outros: A “poesia menor” de Murilo Mendes. Remate de Males, Campinas, SP, v. 32, n. 1, p. 9–18, 2012. DOI: 10.20396/remate.v32i1.8636208. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8636208. Acesso em: 17 jun. 2024.

Resumo

Tomando como ponto de partida a noção de “exílio” – em sentido concreto e ideal – este texto tenta reler a relação travada por Murilo Mendes com a tradição e a arte italianas, ao longo da sua permanência na Europa. A sua condição de poeta déplacé, constantemente fora do seu lugar pátrio e todavia bem dentro daquele espaço cultural que foi, desde sempre, o seu, o leva a refletir, tanto na sua produção em prosa quanto na lírica, sobre essa estranha heterotopia que o faz ser, contemporaneamente, filho da tradição europeia e criador de uma expressão artística que, sendo brasileira, combina e conjuga patrimônios culturais diferentes. Para vencer esse estatuto singular de artista vivendo entre dois mundos, ele vai construindo, aos poucos, uma nova comunidade intelectual em que ele se inclui ficando todavia à margem dela, aceitando o ambíguo papel de “poeta brasileiro de Roma”.

https://doi.org/10.20396/remate.v32i1.8636208
PDF

Referências

AGAMBEN, Giorgio. La comunità che viene. Torino: Einaudi, 1990.

ANTELO, Raúl. “Concisão e Convergência”. In Letterature d’America, V, 23 (estate, 1984).

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Kafka. Per una letteratura minore. Macerata: Quodlibet, 1996 (ed. or.: Kafka – Pour une littérature mineure. Paris: minuit, 1975). MendeS, murilo. Poesia completa e prosa. Org. por L. Stegagno Picchio. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994.

NATOLI, Salvatore. Progresso e Catastrofe. Dinamiche della modernità. Milano: Christian Martinotti, 1999.

SAID, Edward W. Nel Segno dell’esilio. Milano: Feltrinelli, 2008 (ed. or.: Reflexions on Exile. Cambridge MA: Harvard U.P., 2000). Weil, Simone. Quaderni. Vol. II. Milano: Adelphi, 1985 (ed. or.: Cahiers, II. Paris: Plon, 1972).

Licença Creative Commons
O periódico Remate de Males utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.