Sousândrade e Martí: a América contra a 'America'

Autores

  • Júlio Pimentel Pinto Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/remate.v36i1.8646450

Palavras-chave:

José Martí. Sousândrade. América Latina

Resumo

Na segunda metade do século XIX, o cubano José Martí e o brasileiro Joaquim de Souza Andrade, Sousândrade, construíram suas utopias da América. Naquele momento e na perspectiva dos dois autores, era preciso rejeitar a crescente influência política e econômica dos Estados Unidos – o que os levou a adotar posturas francamente anti-norte-americanas – e buscar origens e mecanismos capazes de articular as várias partes da América, oferecendo, assim, uma alternativa ao modelo estadunidense de America.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Júlio Pimentel Pinto, Universidade de São Paulo

Departamento de História, Universidade de São Paulo

Referências

CAMPOS, Haroldo de. A peregrinação transamericana do Guesa de Sousândrade. In: CAMPOS, Augusto de; CAMPOS, Haroldo de. Re visão de Sousândrade. 3. ed. rev. e ampl. São Paulo: Perspectiva, 2002.

CAMPOS, Augusto de; CAMPOS, Haroldo de. Re visão de Sousândrade. 3. ed. rev. e ampl. São Paulo: Perspectiva, 2002.

CARVALHO, Eugenio Rezende. Nossa América: a utopia de um novo mundo. São Paulo: Anita Garibaldi, 2001.

CHIAMPI, lrlemar. O realismo maravilhoso. São Paulo: Perspectiva, 1980.

CUCCAGNA, Claudio. A visão do ameríndio na obra de Sousândrade. Tradução de Wilma Katinsky Barreto de Souza. São Paulo: Hucitec, 2004.

LIMA, Luiz Costa. O campo visual de uma experiência antecipadora. In: CAMPOS, Augusto de; CAMPOS, Haroldo de. Re visão de Sousândrade. 3. ed. rev. e ampl. São Paulo: Perspectiva, 2002.

GOTT, Richard. Cuba: uma nova história. Tradução de Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006.

LOBO, Luiza. Épica e modernidade em Sousândrade. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2005.

MARTÍ, José. Nossa América. São Paulo: Hucitec, 1983.

PRADO, Eduardo. A ilusão americana. São Paulo: Ibrasa, 1980

PRADO, Maria Ligia Coelho. América Latina no século XIX: tramas, textos e telas. São Paulo: Edusp; Florianópolis: Edusc, 1999.

PRATT, Mary Louise. Imperial Eyes: Travel Writing and Transculturation. Nova York: Routledge, 1992.

RAMOS, Julio. Desencuentros de la modernidad en América Latina: literatura y política en el siglo XIX. México: Fondo de Cultura Económica, 1989.

REINATO, Pedro Martins. “A própria forma do bárbaro domínio”: elementos da composição poética em O Guesa, de Sousândrade. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós- -Graduação em Literatura Brasileira. Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

RODÓ, José Enríque. Ariel. Tradução de Denise Bottmann. Campinas: Editora da Unicamp, 1991.

ROJAS, Rafael. La vanguardia peregrina: el escritor cubano, la tradición y el exilio. México: Fondo de Cultura Económica, 2013.

SCHWARTZ, Jorge. Vanguarda e cosmopolitismo na década de 20: Oliverio Girondo e Oswald de Andrade. São Paulo: Perspectiva, 1983.

SOUSÂNDRADE [Joaquim de Souza Andrade]. Poesia e prosa reunidas de Sousândrade (org.: Frederick Williams). São Luís: Edições AML, 2003.

VILLAÇA, Mariana Martins. José Martí. São Paulo: Memorial da América Latina, 2008.

WILLIAMS, Frederick. Sousândrade: vida e obra. São Luís: Sioge, 1976

Downloads

Publicado

2016-09-09

Como Citar

PINTO, J. P. Sousândrade e Martí: a América contra a ’America’. Remate de Males, Campinas, SP, v. 36, n. 1, p. 15–30, 2016. DOI: 10.20396/remate.v36i1.8646450. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8646450. Acesso em: 30 nov. 2020.

Edição

Seção

Conceito, corpus e crítica revisitados